Buscar

Defesa Civil reconhece emergência em cidade onde a chuva formou crateras

Em virtude da formação de várias crateras, a Defesa Civil reconheceu hoje (12), de acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União, situação de emergência no município paraense de Rondon do Pará, no sudeste do estado. Os grandes buracos que surgiram em diversos locais da cidade – chamados de erosão de ravina urbana - foram provocados por forte chuva que atingiu o município em janeiro deste ano.

As erosões, algumas com cerca de 25 metros de largura e mais de 15 de profundidade, destruíram ruas e colocaram em risco cerca de 60 casas. Por causa do problema, a prefeitura de Rondon do Pará decretou estado de emergência no dia 8 de janeiro e pediu auxílio federal para recuperar os estragos.

O reconhecimento da situação de emergência pelo governo federal agiliza o processo de repasse de recursos da União à prefeitura para a recuperação dos danos ou para atendimentos emergenciais à população.

A situação de emergência é reconhecida quando ocorre alteração intensa e grave nas condições de normalidade de um município, estado ou região, decretada em razão de desastre, com comprometimento parcial da capacidade de resposta aos prejuízos.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.