Buscar

80% dos concluintes das oficinas do Programa Acessuas Trabalho ingressaram no mercado de trabalho

58º ciclo de oficinas de orientação sobre o mundo do trabalho é concluído com palestra sobre Bastidores da Contratação

Fotos: William Gomes

Cb image default

Cerca de 80% das pessoas capacitadas por meio do programa Acessuas Trabalho em Nova Andradina ingressaram no mercado de trabalho. A boa notícia foi compartilhada na última sexta-feira (23) pela coordenadora do Centro da Juventude, Débora Barbosa, durante o encerramento do 20º ciclo de oficinas profissionalizantes desenvolvidas no âmbito deste programa no ano de 2019.

Na ocasião, o professor Emerson Carlos Ferreira, diretor do CENAIC, ministrou a palestra "Bastidores da Contratação", com os formandos desta etapa. A ação contou com a parceria do AJA (Avanço do Jovem na Aprendizagem) e alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Escola Estadual Irman Ribeiro.

Desde 2017, quando foi implantado o Acessuas, 1309 pessoas se inscreveram e cerca de 700 pessoas concluíram as oficinas profissionalizantes e receberam orientação sobre inserção no trabalho.

João Pedro Teixeira, de 16 anos, é um dos jovens que se formaram neste ciclo de oficinas. Empreendedor, ele trabalha com soldador na sua própria residência "Nas oficinas, aprendi a fazer meu marketing pessoal, como chegar numa empresa e vender meus serviços, também sobre a importância de ter um bom currículo, de se vestir adequadamente e se expressar diante do patrão, porque quem não sabe cuidar de si não sabe cuidar de nada. Outra coisa que pesa é a busca de conhecimento na área que procuro emprego ou quero me especializar", afirma o estudante da Escola Estadual Irman Ribeiro, que aprendeu o ofício de soldador com o pai.

De acordo com Débora, a equipe trabalha com o novo modelo de gestão empresarial, com foco nas demandas das empresas. Podem participar pessoas de 15 a 59 anos, que estão desempregadas ou em busca do primeiro emprego.

"Somos o elo de ligação entre empresa e candidatos que participam do processo de seleção. Então, o conteúdo dos cursos é preparado conforme a necessidade do empregador. Daí o alto índice de inserção de jovens e trabalhadores em busca de uma nova colocação. Contribuem sobremaneira para esse sucesso, o apoio e a retaguarda do prefeito Gilberto Garcia e da secretária Julliana, que sempre se fazem atuantes em todas as ações desenvolvidas", destaca a coordenadora.

Somente no comércio são 89 adolescentes inseridos no primeiro emprego, que passaram pelo ciclo de oficinas e estão em acompanhamento.

O programa é movido por parcerias e tem as portas abertas dos sindicatos e associações patronais do comércio e da indústria como Acina e Sinconova, empresas dos mais diversos setores (curtume, frigoríficos, supermercados, usinas) e Sistema S, Casa do Trabalhador, Cenaic, CIEE, universidades, Instituto Federal e profissionais de consultoria e treinamento que realizam um trabalho voluntário.

Um dos parceiros nesta iniciativa foi o projeto AJA, desenvolvido através da Secretaria Estadual de Educação. Mariana Senhorini, responsável por este projeto no município, afirmou que a maioria dos alunos do período noturno da Escola Irman Ribeiro, participa do Pró-Jovem e está envolvido neste ciclo de palestras sobre o mercado de trabalho. "É um trabalho que abre portas para nossos jovens, que oferece oportunidade para conquistarem seu espaço profissional", declarou.

Outro importante aliado do governo municipal, Emerson Ferreira, diretor do Cenaic, comentou detalhes da sua palestra e ressaltou a importância do Acessuas Trabalho para a formação de profissionais preparados para o ingresso no mercado.

Pós-graduado em recursos humanos, Emerson disse que o foco da palestra é mostrar a visão do empregador na hora da contratação, pensando em otimizar a chance de conquistar a vaga disponível. "Trabalhamos aspectos comportamentais, vestuário, a necessidade de estabelecer um diálogo, não ficar com respostas repetidas, entre outros pontos decisivos que podem levar a um NÂO indesejável na hora do processo de seleção", explicou Ferreira, parabenizando o governo municipal e a Secretaria de Cidadania e Assistência Social pela realização do programa Acessuas.

Para participar do Programa

Para participar do programa Acessuas Trabalho em Nova Andradina é necessário fazer sua inscrição no Centro da Juventude. O encaminhamento é feito pelo CRAS de referência do cidadão. Levar documentos pessoais e o número do NIS.

Cb image default

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.