Buscar

Ações educativas reforçam importância do cadastro da soja em Maracaju e Nova Andradina

Palestras foram realizadas nos sindicatos rurais dos municípios de Maracaju e Nova Andradina (Imagem: Notícias MS)

Técnicos da  Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (IAGRO) reforçaram aos produtores rurais de Maracaju e Nova Andradina, semana passada, a importância da ferramenta de cadastro da área de plantio da soja. A iniciativa faz parte de uma parceria com a Aprosoja/MS, por meio do ‘Soja Plus’, programa que recebe o apoio institucional do Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS) e oferece capacitação gratuita às propriedades rurais do Mato Grosso do Sul.

As palestras foram realizadas nos sindicatos rurais dos municípios de Maracaju e Nova Andradina pelo fiscal agropecuário da Iagro Pedro Molina e o engenheiro agrônomo Adalberto Abel Fiorucci. Ao todo, mais de  80 produtores rurais receberam orientações sobre a facilidade do cadastramento e a importância da ação para a defesa sanitária vegetal.

Segundo o chefe da Divisão de Defesa Vegetal de Mato Grosso do Sul, Filipe Portocarrero Petelinkar, a falta de conhecimento sobre a importância deste trabalho tem feito alguns produtores deixarem de repassar suas informações. “A medida é protetiva. Precisamos saber quais propriedades estão plantando soja para monitorar e evitar grandes problemas com a sanidade vegetal”, reforçou, lembrando que a não atualização de dados pode gerar multas e danos para a defesa sanitária.

Cadastro do Produtor 2016

Com pouco mais de 20 dias, o sistema de cadastro da área de plantio de soja já registra 8% da área cadastrada. Mais conhecido como ‘cadastro do produtor’, a ferramenta de monitoramento das plantações de soja do Estado está aberta às atualizações devendo receber os dados sobre a área de plantio de cada propriedade e a variedade cultivada em Mato Grosso do Sul.

Elaborado com o intuito de monitorar as lavouras e controlar a ferrugem asiática, o cadastro está disponível desde 2006, é obrigatório e passível de sanção ao produtor que não mantiver as informações em dia, inclusive comunicando a incidência de ferrugem asiática.

O cadastro pode ser efetuado no site da Iagro, no endereço: Cadastro do produtor de soja

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.