Buscar

Agrinho 2019 - Escola Municipal de Anaurilândia se destaca em concurso estadual

Foram três projetos classificados na categoria ‘Experiência Pedagógica’ e um na categoria ‘Desenho’

Cb image default
Escola Paulo Ney emplacou quatro trabalhos em premiação estadual - Imagem: Divulgação

A Escola Municipal de Ensino Fundamental Professor Paulo Ney, de Anaurilândia, se destacou na edição 2019 do Programa Agrinho, iniciativa realizada em parceria com sindicatos rurais por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar-MS).

Este ano, o tema do concurso foi ‘A Tecnologia do Campo Conectada à Cidade’, sendo que, na categoria ‘Experiência Pedagógica’, dos cinco projetos selecionados em Mato Grosso do Sul, três são da Escola Paulo Ney. E na categoria ‘Desenho’, dos cinco projetos selecionados no Estado, um é oriundo da instituição, totalizando quatro trabalhos a serem premiados.

Os projetos classificados foram sobre milho, com a professora Eliane Muchon (4º ano A); sobre leite, com a professora Maria Floriza Godoy (3º ano A e C); e sobre algodão com a professora Nayara Cardoso (5º ano B). Com relação ao desenho, foi selecionado o trabalho da aluna Antônia Godoy, sob a orientação da professora Nelma Siqueira (2º ano A).

A solenidade de premiação está programada para o dia 03 de dezembro deste ano, em Campo Grande, ocasião em que será divulgada a posição de cada trabalho no ranking geral de classificação.

Os membros da Direção e da Coordenação da Escola Municipal Professor Paulo Ney parabenizam os professores e alunos pela conquista, ressaltando que o empenho e a dedicação de todos resultou no fato de que os nomes da instituição de ensino e do município de Anaurilândia serão destaque a nível estadual.

Ainda segundo os responsáveis pela escola, o apoio de parceiros foi fundamental para o desenvolvimento dos projetos, entre os quais, Secretaria Municipal de Educação, Sindicato Rural de Anaurilândia, Copasul, Laticínio Maná, produtores rurais e agricultores, que colaboraram com a realização dos trabalhos.

Cb image default
Estudantes e professores foram a campo durante a elaboração dos projetos - Imagem: Divulgação

Agrinho*

O Agrinho é o programa de maior responsabilidade social do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural e da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), que visa o despertar da consciência de cidadania por meio do desenvolvimento de temas transversais tendo como linha condutora a Ética e a Sustentabilidade com foco na conexão campo-cidade, que orientam e legitimam a busca de transformações da realidade local e de seus sujeitos sociais.

Em Mato Grosso do Sul, o Programa Agrinho é desenvolvido no Ensino Fundamental das escolas da rede pública em parceria com as Secretarias Municipais e de Estado de Educação. Dessa maneira, o programa trabalha com uma proposta pedagógica baseada na Interdisciplinaridade e na Pedagogia da Pesquisa, abordando temas relacionados à ética, saúde, meio ambiente, orientação sexual, pluralidade cultural, trabalho e consumo, e temas locais, com enfoque na preservação ambiental.

A premiação motiva os professores, os coordenadores pedagógicos, os diretores escolares e, em especial, os alunos a desenvolver os trabalhos aumentando o alcance dos temas trabalhados, contribuindo na formação de cidadãos críticos, criativos, reflexivos e comprometidos sócio e ambientalmente. (*As informações são do site do programa).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.