Buscar

Anaurilândia - Prainha de balneário receberá nova areia e novo trecho de calçada

O local deverá ser reaberto para a população até o próximo verão

Cb image default
Prefeito Edinho Takazono juntamente com o diretor de Turismo, João Batista Balbino (Batata) - Foto: José Almir Portela/Nova News

O balneário do município de Anaurilândia está passando por ajuste geral e já para o próximo verão, irá contar com areia nova em toda a extensão da prainha artificial. Além disso, será construído um trecho de calçamento, onde será utilizado o sistema de bloquete no setor esquerdo da área interna do local.

Na manhã desta quarta-feira (4), o prefeito Edinho Takazono (PSDB), acompanhado do diretor de Turismo, João Batista Balbino (Batata), esteve visitando o local que se encontra em obra, onde estão sendo feitos ajustes em um dique de contenção de onda, construído recentemente pela Cesp (Companhia Energética do Estado de São Paulo), e que devido ao ultimo período chuvoso sofreu alterações, sendo necessário passar por reparos.

Ainda na época, o diretor disse que poderia ter ocorrido alguma falha de planejamento por parte do projeto, porém, que a empresa responsável pela obra já iniciaria todos os reparos necessários. “Acreditamos que até o final do mês de setembro tudo esteja corrigido”, explicou.

O prefeito Edinho disse que é preciso acelerar os trabalhos para que até o início do período do verão, tudo esteja pronto para que o local seja reaberto para a população.

O chefe do executivo lembrou que para o final deste ano, principalmente, no período de férias, várias atividades estão programadas para agitar os finais de semanas no balneário. “Este é um local muito procurado não só pela população local, mas por gente de toda a região e dos estados vizinhos. Eles conhecem nosso município, gastam por aqui e ajudam a impulsionar o comércio local”, pontuou.

Outro fator destacado pelo prefeito e que deve aumentar ainda mais o número de visitantes, será a pavimentação do trecho de terra ligando a MS-276, até o balneário. A obra avaliada em R$ 15 milhões em um trecho de pouco mais de oito quilômetros, já conta com dinheiro em caixa, sendo que o recurso é oriundo de um acordo relativo às ações junto à Companhia Energética do Estado de São Paulo (CESP), verba recebida no ano anterior pelo município, quando ficou acordado que seria executada pelo Governo do Estado. Recentemente a obra foi autorizada pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

Cb image default

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.