Buscar

Anaurilândia - Prefeito recebe empresários que pretendem investir no município

Acácio Gomes - Redação Nova News

Imagem: Divulgação

Com o intuito de fomentar o setor produtivo e, desta forma, criar mais oportunidades de emprego no município, o prefeito de Anaurilândia, Edson Stefano Takazono, Edinho (PMDB), recebeu em seu gabinete os empresários, João Gilberto Roncaglio e Marcos Roberto Gomes, ambos representantes do Grupo Roncaglio Derivados da Mandioca.

Durante o encontro, foi discutida a implantação de uma filial da indústria no município de Anaurilândia, mais precisamente no Distrito de Vila Quebracho. De acordo com os empresários, o chefe o Executivo Municipal já teria mantido, anteriormente, contado com a empresa e feito algumas propostas para atrair uma filial da indústria para a cidade.

Leia também
  • Edinho recebe diretores do Instituto Pobres Servos da Divina Providência 

Para os empresários, a disposição do prefeito foi fundamental para atrair o interesse por parte da empresa, já que ele teria oferecido alguns incentivos, tais como, terreno e terraplanagem para a instalação da indústria no Reassentamento Santa Ana, local considerado estratégico, pois, além de ficar dentro de uma área rural, teria uma logística privilegiada, por estar ao lado da rodovia MS-267. A área proposta pelo gestor facilitaria a escoação dos produtos e estaria próxima à sede do Distrito de Quebracho.

Segundo Takazono, o principal intuito, além da produção, é incentivar o produtor rural e a geração de emprego, tanto para o distrito, como para os assentamentos vizinhos. Na oportunidade, o prefeito Edinho garantiu total apoio aos empresários, destacando a política diferenciada de incentivos oferecidos pelo Governo Municipal. “Nossa determinação é no sentido de fortalecer diferentes setores econômicos do munícipio, neste caso, o ramo de fecularia. Considerando a produção local de mandioca, isso criará novos empregos, e desta forma, fortaleceríamos a economia local”, destacou. 

Na ocasião, os representantes da Roncaglio Derivados da Mandioca, demostraram o desejo de instalação de uma filial da indústria em Anaurilândia. Eles observaram ainda que o local oferecido é, de fato, estratégico, como destacou o prefeito e, isso, poderá fazer a diferencia na escolha. Caso o projeto se torne realidade, o indústria deverá gerar inicialmente cerca de 60  empregos diretos. (Colaborou Claudemir Aureliano).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.