Buscar

Após matéria do Nova News, pai que filha não vê há 28 anos é encontrado

José Tibúrcio Leal está de fato morando em Nova Andradina e em breve poderá reencontrar a filha

A voz de Leandra quase não saiu. Ouvir a notícia de que o pai foi encontrado soou como uma realização de um sonho que estava distante de ser realizado. Após 28 anos, o tão sonhado reencontro agora está a um passo de acontecer.

Após dois dias de intensa busca em endereços e através de contatos telefônicos, a reportagem do Nova News encontrou o paradeiro de José Tibúrcio Leal que, conforme cogitado pela filha, está de fato morando em Nova Andradina.

O primeiro contato foi com a esposa Marcela Santana que se encarregou de dar ao marido as boas novas de que a filha estava a sua procura. Leandra Lopes, hoje com 33 anos de idade, desde os 5 não vê o pai e mora no interior de São Paulo na cidade de Novo Horizonte.

Cb image default

José Tibúrcio Leal está na foto com a esposa Marcela e a filha do atual relacionamento – Foto: Redes sociais

A filha de um relacionamento anterior de José Tibúrcio não era segredo para a atual companheira. Segundo Marcela, ele já tinha falado da filha e não sabia ao certo onde ela poderia estar morando. “Ele ficou muito feliz quando lhe dei a notícia e diz que não vê a hora de reencontrá-la”, disse.

A reportagem ainda não manteve contato direto com José Tibúrcio que está em uma fazenda auxiliando a irmã e nos próximos dias voltará para Nova Andradina. Na casa, pelo apurado, ele reside com a esposa e uma filha.

Cb image default
Leandra Lopes enfim reencontrará o pai - Foto: Divulgação

Ao dar a notícia para Leandra, a emoção falou mais alto: “Nem consigo acreditar que o encontraram. Você não imagina o quanto eu esperei por esse dia”, desabafou. Agora, segundo ela, o jeito é aguentar a ansiedade e esperar as férias dos filhos em julho para vim visitar o pai. “Vou contar os dias para estar perto dele de novo”, afirmou Leandra.

A matéria

Leia abaixo na íntegra a matéria veiculada pelo Nova News no último sábado (26)

O tempo não passou para Leandra Lopes, hoje com 33 anos de idade, quando lhe vêm à mente as lembranças do pai que não vê há 28 anos. Ainda muito pequena quando o destino os separou, ela diz que o mais importante é o valor afetivo que se mantém vivo na esperança de reencontrá-lo.

Residindo em Novo Horizonte (SP), Leandra procurou o Nova News após a receber uma informação de que o pai, José Tibúrcio Leal, residiria em Nova Andradina. Conforme detalhou à reportagem, ele é filho de Antenor Basílio Leal e Anália Tibúrcio Leal e deve ter hoje cerca de 52 anos de idade.

Fruto de um relacionamento que acabou em desentendimento, Leandra conta que a última vez que teve contato com José Tibúrcio foi aos 5 anos de idade. Segundo ela, os pais se conheceram na cidade de Nioaque, interior do Mato Grosso do Sul. “Na época, meu pai servia o Exército e depois quando deixou o militarismo passou a trabalhar em fazendas como campeiro. Até que nos mudamos para a cidade natal dele no interior de São Paulo, em Presidente Epitácio, onde a sua família também morava. Lá que eles se desentenderam e minha mãe retornou a Nioaque. Morávamos, eu, meus pais e meu irmão mais velho filho de outro relacionamento da minha mãe”, relata.

De acordo com Leandra, as únicas informações obtidas a respeito do suposto paradeiro do pai foi através de uma rádio de Presidente Venceslau. Um ouvinte, que trabalha na central do SUS (Sistema Único de Saúde), conseguiu apenas descobrir dados dos documentos pessoais de José Tibúrcio e de que ele poderia estar morar em Nova Andradina.

“Acredito que ele possa estar trabalhando em alguma fazenda no município de Nova Andradina. Tudo o que mais quero é reencontrá-lo pelo enorme desejo que tenho de abraçá-lo novamente. Me recordo que ele era um pai muito e lembro ainda de algumas vezes dele penteando meus cabelos. Trata-se de um valor afetivo que o tempo e nem mesmo o fato dele não ter me procurado não morreu. Também quero muito que ele conheça dos meus dois filhos, o Vinícius, de 15 anos, e o Benjamin, de 6 anos, que são os seus netos”, desabafa Leandra.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.