Buscar

Audiência pública avalia metas e estratégias do Plano Municipal de Educação

Metas com seus respectivos indicadores que compõem o documento e que devem ser atingidas até o ano de 2024 foram analisadas

A Comissão de Monitoramento e Avaliação do Plano Municipal de Educação realizou na manhã da última sexta-feira (29), uma Audiência Pública para avaliação do Plano Municipal de Educação (PME), considerando o período de 2015-2017. Durante o encontro, realizado na Câmara Municipal, os presentes tiveram a oportunidade de analisar as metas com seus respectivos indicadores, que compõem o documento e que devem ser atingidas até o ano de 2024.

Educação infantil, ensino fundamental, médio e profissionalizante, alfabetização e educação inclusiva foram alguns dos temas abordados durante a manhã. “Esse é um momento singular para a educação no nosso município: o momento em que todos os envolvidos têm a oportunidade de participar do processo de educação, indispensável para uma sociedade mais igualitária, justa e fraterna”, declarou o secretário municipal de Educação, Cultura e Esporte, Fábio Zanata.

O prefeito Gilberto Garcia disse que tem total confiança nos profissionais da educação e órgãos que participam deste debate e são responsáveis por esta avaliação, fundamental para colocar Nova Andradina no ranking das melhores cidades em educação do país.

Além disso, enumerou os investimentos que vem sendo realizados pelo governo municipal para atingir as metas estabelecidas, elevando a qualidade do ensino, ano após ano.

Cb image default
Em seu discurso, prefeito destacou que Nova Andradina pode ser inserida no ranking das melhores cidades em educação do país - Foto: João Cláudio/PMNA

“Implantamos o ensino de inglês gratuito, a plataforma Khan Academy para melhorar o ensino da matemática. Até o final do nosso mandato, todas as quadras esportivas das escolas serão cobertas. A partir do próximo ano, distribuiremos um kit de material escolar para todos os alunos das escolas municipais. Outra meta, é a implantação da escola de pilotagem. Tudo isso, aliado aos investimentos em capacitação dos educadores, na merenda escolar e outras ações estruturantes, vamos avançar mais e oferecer a melhor educação possível aos nossos alunos”, detalhou.

Todas as proposições que foram encaminhadas após as discussões serão analisadas e se estiverem coerentes com o plano serão anexadas ao relatório final e posteriormente enviado ao Ministério da Educação e Cultura (MEC). Este documento norteará as ações desta importante política pública até 2024.

Mais sobre o PME

O PME entrou em vigor em 2015, com vigência até 2024. Ele foi baseado em 20 metas de melhorias gradativas do ensino federal, estadual e municipal.

O trabalho de Monitoramento e Avaliação do Plano Municipal de Educação é contínuo e realizado por uma comissão constituída legalmente, composta por representantes de diversas instituições de ensino do município, que garante a melhoria da qualidade técnica do diagnóstico, além de ampliar a participação social e qualificar, a cada ano, a execução das metas e estratégias.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.