Buscar

Blitz chama a atenção para a população em situação de rua em Nova Andradina

Intuito é levar ao conhecimento da sociedade as ações do governo municipal para enfrentar este fenômeno social

Imagem: Bruno Seleguim

Cb image default

Na sexta-feira (11), a Comitê Intersetorial POPRUA realizou uma blitz com o intuito de dar visibilidade à situação de rua de crianças e adolescentes no Brasil, sensibilizar e levar ao conhecimento da sociedade as ações do governo de Nova Andradina para enfrentar este fenômeno social.

A ação socioeducativa denominada “População de Rua! Invisíveis, porém Humanos! foi coordenada através da Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social e Cidadania. Responsável por esta pasta, Julliana Ortega, afirmou que a determinação do prefeito Gilberto Garcia é disponibilizar serviços e oferecer total apoio aos moradores de rua.

“Para uns eles são invisíveis, para outros, inconvenientes, enquanto para nós atores da política pública são pessoas de direitos, conforme previsto na Constituição Federal de 1988. Em Nova Andradina, temos o serviço especializado em abordagem de rua e a Casa do Migrante, que trabalham diariamente no acolhimento, identificação e assistência a população em situação de rua”, destaca a gestora.

De forma resumida, o governo presta atendimento e acompanhamento especializado, com atividades direcionadas para o fortalecimento de vínculos sociais e/ou familiares, oferece orientação individual e em grupo, e encaminhamentos a outros serviços socioassistenciais e das demais políticas públicas, que possam contribuir na construção da autonomia, da inserção social e da proteção às situações de ameaças e/ou violações de direitos.

Mais sobre o POPRUA

Composto por representantes do Poder Público, Polícia Militar Esquadrão da Vida, Educação, AGENOVA, Pastoral Social, Maçonaria, Casa do Migrante, Ciat, CREAS, CRAS, CAPS, Conselho Municipal de Assistência Social, e a sociedade em geral, o Comitê POPRUA é um espaço de diálogo das políticas públicas, com vistas em resguardar os direitos das pessoas que vivem em situação de rua.

As Populações em situação de Rua são grupo de pessoas que vivem em situação de extrema pobreza, com os vínculos familiares interrompidos ou fragilizados. Na grande maioria vivem em logradouros públicos e áreas degradadas.

Serviço de Abordagem Especializada

O Serviço Especializado em Abordagem Social é realizado pela equipe técnica do Centro de Referência especializado da Assistência Social (CREAS), que monitora diariamente as ruas de Nova Andradina, identificando e abordando adultos, crianças e adolescentes em situação de rua. Por meio do serviço, essas pessoas são encaminhadas para serviço de acolhimento (Casa do Migrante) e outros serviços da rede de assistência social.

Como acionar

A população pode acionar as equipes de Abordagem de Rua, que funciona segunda a sexta, da 7:00 Às 17:00, sito na Rua Francisco de Assis Reinaldth, nº 1656, Bairro Centro Educacional. Para acionar a equipe basta ligar para o 0800-647-3400.

Serviço de Acolhimento Temporário - Casa do Migrante

A Casa do Migrante destina-se acolhimento provisório a famílias e indivíduos que vivenciam situação de vulnerabilidades, desabrigo, migração, e ausência de residência e ainda pessoas em transito sem condições de autossustento. A instituição é filantrópica e, faz parte dos serviços da rede socioassistencial vinculado a Secretaria Municipal de Assistência Social.

O público alvo são pessoas adultas de ambos os sexos ou famílias em situação de rua e desabrigo por abandono, migração e ausência de residência. A principal diferença do público atendido nesta unidade é a transitoriedade; geralmente são adultos/famílias em trânsito, sem intenção de permanência por longos períodos.

Como funciona

A casa do Migrante atende de segunda-feira a sábado, oferece três dias de acolhimento, disponibilizando alimentação, banho e pernoite.

Capacidade de atendimento: 20 pessoas por dia.

Horário de Atendimento

06:00 às 07:00 - Café da manhã

11:00 às 12:00 – Almoço

17:00 – Acolhimento social

18:00 às 19:00 - Jantar

Onde fica

Rua Santo Antonio, nº 1045. Telefone: (67) 3441-4753

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.