Buscar

Campanha “16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra a Mulher” é lançada em Nova Andradina

Cerimônia foi dedicada ainda ao encerramento da Campanha Maria da Penha vai à Escola e a premiação da melhor frase com o tema “Desconstruindo a violência, construindo diálogos”

Cb image default
Imagem: Willian Gomes

A música de Gilberto Gil, “A Paz”, interpretada por Maria Beatriz Capuci, e a encenação teatral da dupla de estudantes da Escola Estadual Marechal Rondon, Carol e Luiz, marcaram o início da Campanha do Laço Branco em Nova Andradina, apontada pela ONU como uma das maiores iniciativas mundiais direcionadas para a temática da violência de gênero.

A campanha consiste em 16 Dias de Ativismo Pelo Fim da Violência Contra a Mulher, com o objetivo de sensibilizar, envolver e mobilizar os homens neste engajamento pela superação das desigualdades entre homens e mulheres.

A solenidade aconteceu na noite desta segunda-feira, dia 25, no auditório do Paço Municipal com a presença do prefeito Gilberto Garcia, da secretária executiva de políticas públicas da mulher, Julliana Ortega, pais e alunos das escolas participantes do concurso de melhor frase com o tema “Desconstruindo a violência, construindo diálogos”. Na mesma ocasião, foi encerrada a Campanha Maria da Penha vai à Escola.

Cb image default
Imagem: Willian Gomes

Representantes de todas as instituições parceiras também participaram da cerimônia como o promotor de justiça Alexandre Rosa Luz, juiz de direito Walter Warthur Alge Neto, presidente do Rotary Clube Nova Andradina Centenário, Anderson Batista dos Santos, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e da Comissão Combate à Violência da Mulher da OAB, vereadores Wilson Almeida e Quemuel Alencar, os policiais Vanessa Aquino e Jean Marcel, do Promuse (Programa Mulher Segura da Policia Militar).

Antes da entrega da premiação das melhores frases foi realizado a ato simbólico onde as mulheres da mesa colocam um Laço Branco nos homens, representando o compromisso dos homens da não violência contra as mulheres.

Ao ser condecorado com o laço branco pela jovem Lorena da Silva Maggi, o prefeito Gilberto Garcia afirmou que “a linguagem presente nas apresentações culturais toca as pessoas e, que o envolvimento dos alunos e da sociedade é fundamental para sensibilizar e focar nossas ações para uma questão social tão delicada como a violência doméstica”, ressaltou o chefe do poder executivo municipal.

Para o promotor de justiça do patrimônio público, meio ambiente e violência doméstica, Alexandre Luz, o que se busca com a lei Maria da Penha é homens e mulheres sejam tratados de forma igualitária.

“Numa família, numa relação de afeto não existe superioridade. Todos podem se manifestar, tem direito de colocar fim num relacionamento, demonstrar descontentamento, questionar uma ordem dada por qualquer membro da família. No dia em que alcançarmos isso, a lei Maria da Penha não será mais necessária. Que consigamos tocar o coração das pessoas para que possamos viver numa sociedade mais pacífica, com menos agressão e mais respeito”, frisou, parabenizando todas as instituições que trabalham no sentido de combater a violência contra a mulher.

O juiz da comarca de Nova Andradina, Walter Warthur Alge Neto, acredita que ponto de partida para reverter esse quadro de violência deve ser a mudança cultural. “O tema está sendo tratado nas páginas policiais, mas o debate tem que começar dentro de casa. Quando o assunto chega no judiciário é porque já houve o conflito e a agressão. Então, é preciso levar o tema para discussão nas escolas, estar presente na conversa entre pais e filhos, aprimorar sempre as políticas públicas e a forma de atuação da rede de enfrentamento à violência doméstica e familiar”, avalia.

Todos os prêmios foram oferecidos pelo Rotary Clube Nova Andradina, idealizador do concurso de frases.

Cb image default
Imagem: Willian Gomes

Frases Vencedoras 2019

5º Lugar:

FRASE “A agressão habita no coração irado, mas o caminho para a paz e o respeito é a comunicação”.

ALUNO: Kayo Samuel da Cruz Santos

ESCOLA MUNICIPAL EFANTINA DE QUADROS

PROFESSORA: Geane Francisco Lopes

PREMIAÇÃO: Troféu e um mimo da Cacau Show

4º Lugar:

FRASE “Mudanças de hábitos são necessárias, nada se constrói com violência, e sim com diálogo e empatia”.

ALUNA: Naiara dos Santos Barbosa.

ESCOLA ESTADUAL LUIZ CARLOS SAMPAIO

PROFESSORA: Cristiane Polagano

PREMIAÇÃO: Troféu e um mimo da Cacau Show

3º Lugar:

FRASE “A violência destrói a comunicação e o que se pretende defender, por isso conversar é a melhor opção”.

ALUNO: Ulian Inácio Benicio Ribeiro

ESCOLA MUNICIPAL EFANTINA DE QUADROS

PROFESSORA: Geane Francisco Lopes

PREMIAÇÃO: Smartphone LG K8 (aluno) e brinde Loja Bigabi (professora)

2º Lugar:

FRASE “A violência contra a mulher é a resposta de quem não tem consciência da vida, mas tem razão, pois tudo pode ser resolvido com bom diálogo.

ALUNO: Rian Pablo Moreira de Oliveira

ESCOLA ESTADUAL MARECHAL RONDON

PROFESSORA: Valéria dos Santos Pereira

PREMIAÇÃO: Smartphone LG X POWER (aluno) e brinde Loja Bigabi (professora)

1º Lugar:

FRASE “É preciso desconstruir a violência para construir uma sociedade igualitária, onde a mulher seja respeitada e valorizada.

ALUNA: Vitória de Oliveira Medeiros

ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR JOÃO DE LIMA PAES

PROFESSORA: Caroline de Oliveira Paes

PREMIAÇÃO: Smartphone LG k10 (aluno) e brinde Loja Bigabi (professora) 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.