Publicado em 13/03/2016 às 11:24, Atualizado em 26/04/2017 às 15:48

Centenas de pessoas saem às ruas de Nova Andradina pelo fim da corrupção 

Germino Roz, Redação Nova News

Imagens: Germino Roz/Nova News

Acompanhando as manifestações do movimento "Vem Pra Rua", convocadas para todo Brasil neste domingo (13), centenas de pessoas saíram às ruas de Nova Andradina, nesta manhã, para protestar contra a onda de corrupção que tem sido divulgada através da Operação Lava Jato.

A concentração se iniciou na Avenida Antônio Joaquim de Moura Andrade, no cruzamento com a Rua José Domingos. Os manifestantes que, em sua maioria, trajavam roupas nas cores da bandeira nacional, saíram em caminhada com faixas e cartazes. As pessoas manifestavam apoio ao juiz federal, Sérgio Moro, e clamavam pelo fim da corrupção.

Os vereadores Ricardo Lima e Dr. Sandro Hoice, ambos do DEM, Robertinho Pereira do PMDB, Valter Yasunaka do PSDB, e a ex-deputada estadual Dione Hashioka do PSDB, marcaram presença na manifestação. 

Durante o percurso, os manifestantes cantaram o Hino Nacional Brasileiro, que, segundo eles, foi uma forma de patriotismo e desvinculação com qualquer partido político. No final do percurso, houve uma concentração no obelisco, onde, de mãos dadas em torno do maior marco de Nova Andradina, e encerraram o evento.

A Força Tática da Polícia Militar de Nova Andradina esteve na Avenida Moura Andrade, e acompanhou de longe a manifestação. Não houve registros de incidentes. Nem a organização e nem a Polícia Militar emitiram um número aproximado de pessoas.

Na Capital

Em Campo Grande a concentração será na Praça do Rádio às 14h, sendo que a passeata começa a partir das 16h. A expectativa de público, segundo o movimento Reaja Brasil, é de 100 mil pessoas em ato pacífico e apartidário.

Pelo país

Em todo o país, estão programadas manifestações a favor do impeachment da presidenta Dilma em 415 cidades, segundo o movimento Vem pra Rua. Em algumas cidades, a Central Única dos Trabalhadores e movimentos mantiveram a realização de manifestações pró-governo e pró-Lula, tais como Fortaleza, Rio de Janeiro e Porto Alegre. A CUT convocou suas seccionais para uma manifestação a favor da democracia para a próxima sexta-feira, dia 18. No DF, o PT convocou nova manifestação para o dia 31 de março.

Em Belém, centenas de pessoas pró-impeachment estão em passeata pelo Bairro Umarizal. Em Maceió, na Praia da Jatiúca, há um trio elétrico e as pessoas começam a se concentrar na orla, que está interditada. No Rio de Janeiro, desde as 9h, começou a concentração da manifestação de apoio à Operação Lava Jato, à Polícia Federal e ao juiz Sergio Moro. Os manifestantes estão na Orla de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro.

O movimento organiza passeatas em outras cidades do estado, com Angra dos reis, Búzios e Cabo Frio, na região dos Lagos, Niterói, na região metropolitana, Nova Friburgo e Petrópolis, na região Serrana. (Com informações da Agência Brasil)