Buscar

Cocamar pretende receber soja em Nova Andradina já na próxima safra de verão

Após inaugurar a unidade de atendimento de Nova Andradina, membros da Diretoria Executiva e dos Conselhos de Administração, Fiscal e Consultivo da Cocamar retornaram ao município para debater novos investimentos na região. Os gestores foram recepcionados pelo prefeito Roberto Hashioka e pelo secretario de Meio Ambiente e Desenvolvimento Integrado, Márcio Costa. 

Na ocasião, o chefe do Executivo de Nova Andradina reforçou as potencialidades do município para o cooperativismo agroindustrial. “Nosso município possui uma posição privilegiada geograficamente e se consolida cada vez mais como uma das portas de entrada e saída do desenvolvimento da região centro-oeste. Desta forma, enquanto Governo Municipal, não mediremos esforços para potencializar nossas ações e atrair novos empreendimentos”, frisou.

Prefeito e diretores da Cocamar debateram ações para fomentar o cooperativismo (Foto: Cogecom/PMNA)

A unidade de Nova Andradina é a primeira em Mato Grosso do Sul e a segunda fora do Paraná - Estado de origem da Cooperativa. “Durante o encontro fomos informados que a Cocamar pretende intensificar seus negócios em nossa cidade a partir da construção de um centro operacional destinado a receber grãos. A previsão é de que este projeto esteja pronto para a próxima safra de verão”, completou Roberto Hashioka. 

De acordo com o presidente do Conselho de Administração da Cocamar, Luiz Lourenço, o início das atividades no município levou muitos produtores da região a procurar a Cocamar de Nova Andradina para solicitar a referida estrutura.  Com o apoio do Governo Municipal, a iniciativa da entidade, segundo o gestor, irá atender diretamente a reivindicação dos produtores. “Estamos sendo muito bem recebidos em Nova Andradina e as autoridades do município se prontificaram a prestar todo apoio à cooperativa”, ratificou o dirigente. 

Além de Lourenço, o Conselho de Administração da Cocamar conta com o vice-presidente Antonio Pedrini e outros 14 integrantes. A Diretoria Executiva é presidida por José Fernandes e possui dois vice-presidentes. Já o Conselho Fiscal é composto por seis membros e o Consultivo por 73 cooperados. 

Com 12 mil produtores associados, a Cocamar é uma das principais organizações cooperativistas brasileiras, tendo obtido um faturamento de R$ 2,650 bilhões em 2013. São 56 unidades operacionais atuando em várias regiões no recebimento de produtos agrícolas e comercialização de insumos agropecuários. A cooperativa possui, também, um dos maiores parques industriais do cooperativismo brasileiro, em Maringá (PR).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.