Buscar

Com recurso da Cesp, Batayporã repassa mais de R$ 250 mil para entidades filantrópicas

Salários dos servidores também começam a ser regularizados

Cb image default
Prefeito Jorge Takahashi agradeceu a compreensão da Promotoria de Justiça que permitiu a utilização do recurso para 'salvar' entidades - Imagem: Divulgação

Segundo publicação no site oficial do município, a Prefeitura de Batayporã repassou mais de R$ 250 mil às entidades filantrópicas que recebem subvenções municipais. Com isso, o Poder Executivo Municipal regulariza a situação financeira das instituições que desempenham atividades relevada importância para a cidade.

Conforme a assessoria, o pagamento foi liberado nesta terça-feira (09) para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e para a Casa do Migrante São João Calábria. Já para a Associação de Amigos do Lar Santo Antônio, o repasse foi realizado nesta quarta-feira (10) por conta da regularização de documentos.

A APAE recebeu o montante de R$ 120 mil, referente as oito parcelas que estavam em atraso. Já para a Casa do Migrante, foram destinados R$ 36 mil, correspondente a nove parcelas, e R$ 96 mil para o Lar Santo Antônio, proporcional à oito meses.

Segundo a publicação, outra medida tomada pela Administração Municipal nesta quarta-feira (10) é o início do pagamento dos vencimentos de todos os servidores municipais correspondente ao mês de setembro. 

De acordo com o secretário de Administração, Finanças e Planejamento, Dilmo Teixeira, os valores serão creditados nas contas dos servidores efetivos e comissionados até o final da próxima semana.

Nas palavras do prefeito Jorge Takahashi, graças à compreensão da Promotoria de Justiça, foi utilizada uma parte do recurso repassado pela Companhia Energética de São Paulo (Cesp) para efetuar o pagamento das subvenções às entidades do município. Os recursos garantirão a manutenção dos serviços por elas prestados e o pagamento dos funcionários.

Em reportagens publicadas anteriormente, o Nova News já havia abordado a situação dos atrasos salariais e também da ausência de repasses para entidades que prestam importantes serviços à população em Batayporã. (*Com informações da assessoria).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.