Buscar

Educação Financeira compõe nova grade curricular das escolas municipais

Disciplina irá contemplar estudantes do 6º ao 9º ano (Foto: Semec/PMNA)

A escola é o melhor lugar para se formar cidadãos educados e equilibrados financeiramente. Pensando nisso, a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (Semec) inseriu a disciplina de "Educação Financeira" na grade escolar do 6º ao 9º ano.

Para colocar em prática a iniciativa, a Semec reuniu, na última semana, todos os professores de Matemática e de Educação Financeira das unidades escolares, com o objetivo de estudar, refletir e conhecer sobre a nova disciplina.

De acordo com a Semec, a metodologia é composta por quatros eixos norteadores, sendo Orçamento Doméstico, Análise de Consumo, Poupança e Empreendedorismo os escolhidos para serem trabalhados ao longo do ano letivo de 2015.

"O grupo ficou entusiasmado, pois esse é um tema de grande relevância e essencial para os dias atuais", avaliou a secretária Nair Lorencini Russo, anunciando que todas as discussões serão acompanhadas pelo professor José Felice, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS).

A secretária explicou ainda que o processo de aprendizagem é bastante eficaz quando feito na escola. "Cada dia que passa, percebemos que a nossa esperança está nas crianças. Essa é uma visão compartilhada pelo prefeito Roberto Hashioka, que tem nos dado um grande apoio para que possamos sempre inovar", comentou Nair.

"As crianças estão mais abertas a aprender e podem, com mais facilidade, adotar uma nova forma de lidar com a sua vida financeira. Este deve ser um novo legado que as escolas podem deixar para os seus alunos, para toda a vida", complementou a secretária de Educação. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.