Publicado em 25/12/2019 às 08:01, Atualizado em 25/12/2019 às 12:03

Em 2019, prefeitura entrega cerca de 500 títulos de imóveis em Nova Casa Verde

No ato de entrega de mais 30 títulos, o prefeito Gilberto Garcia anunciou pacote de obras de urbanização para Nova Casa Verde

Cogecom,
Cb image default
Imagem: Cogecom

Dando andamento a um dos maiores programas de regularização fundiária de Mato Grosso do Sul, atendendo em especial, Nova Casa Verde, a prefeitura de Nova Andradina, através da Agehnova, finalizou os trabalhos de 2019 na tarde desta segunda-feira (23), entregando mais 30 títulos de imóveis para moradores do Distrito, possibilitando que seus titulares possam obter escritura definitiva de seus imóveis junto ao cartório de registro.

Com estes documentos entregues, a prefeitura já se aproxima da marca de 500 títulos de regularização conferidos aos moradores, beneficiados, inclusive por desconto no registro em cartório. Quando normalmente, as custas chegam a R$ 3 mil, o dono do imóvel terá que desembolsar apenas R$ 300,00. Dos 1.535 lotes existentes no Distrito, já foram protocolados mais de 1.200 pedidos de abertura de processos fundiários, os quais estão sob análise criteriosa da comissão de avaliação das informações repassadas pelos moradores que detêm a posse dos lotes.

Presente no ato, o prefeito Gilberto Garcia, sempre acompanhado da diretora da Agehnova Márcia Lobo, dos vereadores e secretários municipais, destacou o trabalho do município, numa parceria bem-sucedida com o governo do Estado através da ação desenvolvida em Nova Andradina, a qual desponta no país como vitrine, já que a iniciativa é inédita e inovadora, pois possibilita ao possuidor do imóvel a garantia da propriedade, de fato e de direito.

"Este trabalho realizado em Nova Casa Verde está servindo de base para a legalização fundiária de outros lugares do país. A população que vai aderindo está de parabéns. Até ontem vocês tinham a posse do seu imóvel, agora terão a escritura, o que vai valorizar as suas propriedades e permite que tenham acesso a financiamento tanto para reforma, quanto para construir suas casas. Os recursos da arrecadação com as indenizações já estão sendo 100% destinados a um Fundo exclusivo para investimentos em Nova Casa Verde", garante o prefeito Gilberto Garcia.

Também compareceram ao ato o vice-prefeito Newton Luiz de Oliveira, o presidente da Câmara Vailton Amarelinho, o vereador João Dan, o secretário Roberto Ginel (SEMUSP), o presidente da Associação de Moradores do Distrito Miltinho Hermenegildo, o ex-vice-prefeito Milton Sena, autoridades militares e o assessor especial do Gabinete Vicente Lichoti.