Buscar

Em visita à região, Azambuja pousa na pista do aeroporto municipal e assegura investimentos para Nova Andradina

Ao ser recepcionado prefeito Gilberto Garcia e lideranças políticas, governador confirmou que virá ao município nos próximos dias para inaugurar o anel viário

Imagem: João Cláudio

Cb image default

Na manhã desta sexta-feira (15), o prefeito Gilberto Garcia recepcionou Reinaldo Azambuja no aeroporto municipal de Nova Andradina acompanhado por uma caravana de deputados estaduais, prefeitos, secretários de governo e lideranças políticas da região. O governador visitou dois municípios vizinhos – Batayporã e Anaurilândia, onde anunciou cerca de R$ 15 milhões em investimentos, em obras que serão lançadas e entregues.

Essa é a terceira vez em menos de seis meses que o avião do governador de Mato Grosso do Sul pousa no aeródromo municipal ao vir cumprir agenda de trabalho no Vale do Ivinhema. Questionado pela imprensa presente no seu desembarque na Cidade Sorriso, Azambuja assegurou os investimentos para garantir a operacionalização deste importante modal de transporte.

“Temos um acordo entre Seinfra, Governo do Estado e Prefeitura para fazermos o recapeamento asfáltico. A pista é antiga e está soltando o pavimento. Cabe ao estado o recape. O restante das obras é de responsabilidade da prefeitura, ou seja, a sinalização e urbanização da pista”, detalhou, enfatizando que mesmo na crise, todas as cidades estão sendo contempladas com recursos governamentais.

Reinaldo Azambuja afirmou ainda que aguarda apenas os últimos reparos e a vistoria dos fiscais da obra para marcar a data de inauguração do anel viário, uma importante obra para desafogar o tráfego urbano e que garante mais segurança para as pessoas. “Independente de partidos, vamos continuar fazendo parcerias com as prefeituras e trazer mais investimentos. Em Nova Andradina, temos uma importante parceria com a administração, com o prefeito Gilberto e vamos trazer mais melhorias para a cidade”, declarou.

Em primeira mão, um dos investimentos destacados pelo governador é a construção de novas casas populares, por meio do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR). “É um projeto do governo federal com contrapartida de recursos do governo do Estado e parceria da Prefeitura. Assim que a Caixa Econômica selecionar o projeto, e tenho certeza, o fará, porque o projeto que a Agehab construiu junto com o setor habitacional da Prefeitura (Agehnova) é um dos melhores que já vimos, não tenho dúvidas que teremos mais casas à disposição dos moradores da cidade”, encerrou, minutos antes de sair com destino a Batayporã.  

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.