Buscar

Equoterapia no quartel do 8º BPM de Nova Andradina completa 10 anos

Atividade é realizada no 8º BPM de Nova Andradina (Foto: Divulgação/8º BPM)
Em 2014, a Equoterapia está completando uma década de funcionamento em Nova Andradina. A atividade é conceituada pela Ande-Brasil, (Associação Nacional de Equoterapia) como “Método terapêutico que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação“.

O projeto atende cerca de 40 crianças por semana e conta com a atuação de vários profissionais, como  fisioterapeuta, psicólogo, fonoaudiólogo, pedagogo, educador físico e um policial militar como auxiliar guia. Este projeto é desenvolvido através de uma parceria entre a Polícia Militar e a APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais).

 

Este é um dos trabalhos que demonstra mais uma vez o comprometimento da Polícia Militar com a sociedade de Nova Andradina que vai além de suas atividades fins, preocupando-se com o bem estar da comunidade. Os principais benefícios da Equoterapia são: Melhora do equilíbrio e da postura; Desenvolvimento da coordenação motora; Estimulação da sensibilidade tátil, visual e auditiva.

 

Outros fatores positivos são: Melhora o tônus muscular; Aumento a força muscular; Facilita a integração social; Desenvolvimento a motricidade fina; Estimulação do funcionamento dos órgãos internos; Aumento da auto-estima e da auto-confiança; Estimulação do afeto, devido ao contato com um animal; Promove a sensação de bem-estar.

Equoterapia é uma terapia que utiliza cavalos e proporciona benefícios a pessoas de todas as idades, aos portadores de deficiência física ou motora, com distúrbios psíquicos e problemas de relacionamento pessoal. (Com informações do 8º BPM).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.