Buscar

Falta de interesse por qualificação afeta mercado de trabalho

Prefeitura divulgou mais 337 vagas para cursos gratuitos do Pronatec

O preenchimento de vagas de emprego na região de Nova Andradina está bastante prejudicado pela falta de qualificação profissional de grande parte dos candidatos a uma oportunidade de trabalho. Segundo o gerente da unidade local do Centro Integrado de Assistência ao Trabalhador (Ciat), Maria Aparecida Valdez, muitas pessoas deixam de ter uma chance pela falta de preparo.

“A escolaridade baixa e falta de cursos de qualificação profissional prejudicam o currículo de muitos que tentam uma colocação no mercado de trabalho. Atualmente, os empregadores até abrem mão da experiência, que se conquista com o tempo, mas fazem questão de que o candidato esteja com seus conhecimentos atualizados”, explica a gerente.

Segundo Maria Aparecida, na tarde desta sexta-feira (17), o Ciat de Nova Andradina disponibilizava à população cerca de 43 vagas para a Energética Santa Helena; 15 vagas para motorista no JBS Transportes; aproximadamente 30 vagas para o comércio; vagas para os frigoríficos Navi Carnes e JBS, para a empresa AGM Móveis, como pintor, embalador e outras funções e ainda oportunidades para a área rural.

Falta de qualificação dificulta acesso dos candidatos às vagas de emprego (Foto: Arquivo/Nova News)

“Muitas destas vagas não são preenchidas por falta de qualificação por parte dos interessados. Eles reclamam que não há vagas, que não conseguem trabalho, mas, na verdade, o que falta, muitas vezes, é interesse em se qualificar, em superar as limitações e conquistas novos horizontes”, finaliza a responsável pelo Ciat de Nova Andradina.

Outra empresa da região que necessita de funcionários é o Frigorífico Minerva, de Batayporã. Devido à falta de mão de obra, e indústria chega a realizar ações de recrutamento de trabalhadores de outras cidades, como Nova Andradina e Taquarussu.

Cursos

A Prefeitura de Nova Andradina divulgou mais 337 vagas para os cursos gratuitos ofertados pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). A programaçãocompleta foi divulgada nesta sexta-feira (17) pela Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social (Semcias) e gestão básica CRAS. 

As capacitações são gratuitas e visam ampliar a oferta de vagas na educação profissional, além de melhorar as condições de inserção no mercado de trabalho. A agenda de cursos para o primeiro semestre de 2014 contempla qualificações voltadas para as áreas de indústria e comércio.

 

Por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), o Pronatec oferta 24 vagas para o curso de Auxiliar de Recursos Humanos, 24 para Inglês aplicado em Serviços Turísticos, 20 para Recepcionista em Serviços de Saúde, 20 para Recepcionista, 25 para Balconista de Farmácia e 25 para Operador de Supermercado. 

Já através do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), são oferecidas 40 vagas para o curso de Eletricista de Automóveis, 20 para Confeccionador de Lingerie e Moda Praia, 40 para Costureira Industrial de Vestuário, 50 para Mecânico de Máquinas Agrícolas, 29 para Almoxarife e 20 para Auxiliar Administrativo. 

As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas no Centro da Juventude, das 7h às 11h e das 13h às 17h. A unidade fica localizada na Rua São José, nº. 635, em frente à Câmara Municipal de Vereadores. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3441-5196.

Saiba mais
  • Nova Andradina divulga mais de 300 vagas em cursos gratuitos 

Para a inscrição é necessário que o candidato possua conta na Caixa Econômica Federal e apresente cópia de comprovantes de residência e escolaridade e do Cad-Único – NIS ou Cartão Bolsa Família. Em caso de menor de 18 anos, deverão ser apresentados RG e CPF da mãe ou do pai e, em caso de menor 18 anos casado, Certidão de Casamento.  

 

(Com informações da PMNA).  

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.