Buscar

Mais 30 mutuários assinam contrato da casa própria no Jardim Primavera

Até o final deste ano serão 105 famílias beneficiadas neste empreendimento, onde serão erguidas 400 moradias

Mais 30 futuros moradores do residencial Jardim Primavera, conjunto habitacional construído em Nova Andradina, assinaram nesta segunda-feira (06) o contrato de financiamento de suas respectivas moradias.

A cerimônia de assinatura, organizada pela Agência Municipal de Habitação (AgehNova) e Caixa Econômica Federal, ocorreu na agência bancária local com a presença do prefeito Gilberto Garcia, da primeira dama e vereadora, Joana Darc Bono Garcia, vereador Vailton Sordi (Amarelinho), diretora da AgehNova, Márcia Lobo, gerente da Caixa, Thiago Barros de Matos e os secretários municipais Emerson Nantes (planejamento e controle) e Walter Fernandes (finanças e gestão).

Até o final deste ano serão 105 famílias beneficiadas neste empreendimento, onde serão erguidas 400 moradias.

Cb image default
Cerimônia de assinatura contou com a presença do prefeito Gilberto Garcia - Foto: Bruno Seleguim/PMNA

Realização

O momento foi aguardado com ansiedade pelos mutuários contemplados. Uma dessas famílias é a do motorista Luiz Fernando Galiza Ansaldi, casado com a vendedora Vanderleia Rodrigues Lima Ansaldi, e pai de Vitor Hugo. O casal mora de aluguel há 10 anos e disse que não via a hora de assinar o contrato. “É uma felicidade que não dá para expressar. Logo que ficar pronta, vamos murar e mudar”, comenta, Vanderleia. E o marido complementa: “Daí encomendamos um novo herdeiro, se Deus abençoar”.

O casal reconhece que sem o governo municipal não teria a oportunidade de concretizar este sonho. “Sozinhos, nós não conseguiríamos chegar até aqui. Sou vendedora, ele, assalariado. É um financiamento, mas, sem este apoio do município não tínhamos como conquistar nossa casa”, declarou, emocionada.

A pedagoga Deize Aguiar Costa (27) e o funcionário público Jorge Naldo da Silva Ramos(30) estão casados há 3 anos. Para eles, a casa própria significa começar a se estruturar a vida a dois, em família. “O valor da parcela é menor do que o valor que pagamos de aluguel. Então, vai sobrar um pouco para investirmos em melhorias na nossa casa. Queremos mudar assim que pegar a chave nas mãos. É vida nova”, frisou Deise.

O papel do município e da Caixa

A diretora da AgehNova, Marcia Lobo, lembrou que o empreendimento tem total infraestrutura, com redes de água, esgoto, drenagem, asfalto e energia elétrica. A previsão é que estas residências sejam entregues aos seus futuros proprietários ainda este ano.

“O Governo Municipal está de parabéns com esta iniciativa de doar o terreno, colocando à disposição da população um imóvel de qualidade e muito acessível. Isto gera um ciclo de vantagens que impacta não somente a vida das pessoas que vão sair do aluguel, mas movimenta a economia de Nova Andradina. Agradecemos também a parceria da Caixa, por meio de seus funcionários, que não mediram esforços para agilizar esses novos contratos”, disse Márcia.

Durante o evento, o prefeito Gilberto Garcia, ressaltou seu compromisso com a construção de mil casas populares para diminuir o déficit habitacional do município. “Nossa meta é atender as famílias da faixa 1, que mais precisam do apoio do município para realizar ter sua casa própria, em parceria com o governo federal e o governo do Estado, sem partidarismos, com vontade política e muita determinação. Até o final do nosso mandato vamos entregar essas 400 unidades do Jardim Primavera, além de outros projetos que estão em andamento, totalizando 1.000 casas: teremos Condomínio do Idoso, Condomínio Dignidade, novos conjuntos habitacionais”, encerrou o chefe do poder executivo municipal.

Fila andando

Nesta administração, cerca de mil moradias estão contratadas, em fase de construção ou em fase de análise de projetos em Nova Andradina. A cidade, há mais de 10 anos não tinha nenhum imóvel voltado para atender as famílias que se enquadram na faixa 1,5 salário de renda do Minha Casa Minha Vida.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.