Buscar

Nova Andradina - Centro de Diagnóstico do Hospital de Amor reúne coordenadores de todo o Estado

Evento contou com a presença do presidente da entidade, Henrique Prata, que fez a inauguração simbólica da unidade

Imagens: Acácio Gomes / Nova News

Cb image default

Neste sábado (27), cerca de 80 coordenadores responsáveis pela captação de recursos para o Hospital de Amor de Barretos estiveram reunidos no Centro de Diagnóstico em Nova Andradina para participar de um encontro sobre o andamento dos trabalhos realizados com relação ao tratamento do câncer. 

O evento reuniu coordenadores de todo o Mato Grosso do Sul, além de convidados dos estados de São Paulo e Paraná. O objetivo do encontro foi avaliar os trabalhos realizados em 2017 e traçar metas para 2018.

Além dos coordenadores, o encontro contou com a presença do casal Ademar e Nadir Capuci, sendo que eles são responsáveis pelo Centro de Diagnóstico e pelo Projeto Vida Nova, respectivamente. 

Cb image default

Também marcou presença o presidente do Hospital de Amor de Barretos, Henrique Prata, o responsável geral pela captação de recursos, Luiz Antônio Zardini, entre outras lideranças locais e regionais, como o secretário municipal de Saúde, Norberto Fabri, e o diretor do Hospital Regional, Nelson Custódio.

Durante evento, ocorreu também a inauguração simbólica do Centro de Diagnóstico, uma vez que, desde que a unidade entrou em funcionamento, Henrique Prata ainda não havia feito uma visita oficial ao prédio. Um momento de oração e reflexão também marcou o início do evento. Zardini fez questão de falar sobre a importância de fazer o bem, ressaltando que causa do combate ao câncer é uma das maiores demonstrações de amor a Deus e ao próximo.

Cb image default

Sobre a captação de recursos, o Nova News apurou que o custo do tratamento por paciente varia de R$ 20 mil até R$ 600 mil, dependendo da complexidade de cada caso. “O trabalho dos coordenadores na captação de recursos é fundamental para a manutenção dos atendimentos. Graças a Deus, as pessoas sempre dizem sim ao Hospital do Amor e esperamos que em 2018 não seja diferente”, explicou Nadir.

O ano de 2017 foi fechado com 97 mil pacientes de Mato Grosso do Sul atendidos em Barretos (SP). O número de pessoas de todo o Estado em tratamento atualmente é de cerca de 38 mil. Somente Nova Andradina contabilizou em 2017 mais de 12.600 pacientes em Barretos, enquanto o número de pessoas em tratamento atualmente é de 6.390. Segundo Nadir, neste momento, há mais de 11 mil pessoas em tratamento contra o câncer, oriundas das cidades de Nova Andradina, Ivinhema, Taquarussu e Batayporã. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.