Buscar

Nova Andradina contará com novos cursos universitários 

Instituições passarão a ofertar Engenharia Civil, Engenharia de Produção, Agronomia e Ciências Contábeis 

Até o ano de 2017, Nova Andradina receberá mais quatro cursos de nível superior em suas instituições públicas.  A Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) campus de Nova Andradina ofertará, em 2016, os cursos de Engenharia de Produção e Engenharia Civil; em 2017 a UFMS irá disponibilizar o curso de Ciências Contábeis. Outra instituição federal que vai receber um curso superior será o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS). Ainda neste ano de 2015 o IFMS abrirá vagas para o curso de Agronomia.

O Nova News manteve contato com o diretor do campus da UFMS em Nova Andradina, Alexandre Pierezan, e ele explicou que o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) foi alterado para inclusão das engenharias de Produção e Civil. Pierezan explica que o PDI da UFMS, pelo período de 2015 a 2019, contava apenas com o curso de Ciências Contábeis, e que após um requerimento apresentado pelo vereador Vicente Lichoti (PT), aprovado pela Câmara Municipal de Nova Andradina, a reitoria da instituição deu parecer favorável à implantação das engenharias no campus.

Campus da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Imagem:Germino Roz/Nova News

Segundo o diretor, a cobrança política local foi de suma importância para a agilidade do processo. “A implantação destes cursos fará com que a cidade cresça. Esses cursos vem sendo bastante aguardados por nossa região e isso colocará Nova Andradina cada vez mais em um patamar de referência de ensino superior no Estado de Mato Grosso do Sul”, disse Pierezan. O diretor do campus também salientou a importância da participação da comunidade no meio acadêmico. Nas palavras dele, a instituição é pública e precisa da interação da comunidade para que as melhorias ocorram.

 

“Nosso papel, acima de tudo, é fazer com que a faculdade seja a casa de todos, sem distinção, uma vez que, a instituição é pública. Aqui não tem ninguém melhor que ninguém, não tem dono e nunca terá. Temos uma faculdade que sempre estará de portas abertas para transmitir o saber e criar pensadores que não aceitem tudo o que lhes for apresentado, sem antes debater, estudar e se aprofundar sobre o assunto”, disse.  

Campus do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul - Imagem:Germino Roz/Nova News

Segundo a assessoria do vereador Vicente Lichoti, o IFMS, também já acrescentou o curso de Agronomia em seu Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) e já confirmou a seleção de vagas ainda em 2015. O  IFMS de Nova Andradina, por ser o único localizado em área rural, dentre 10 unidades espalhadas no Estado, apresentou vocação maior para receber este bacharelado.

 

Algo que desperta preocupação é o fato de a área do campus, localizada a 21 quilômetros da sede do município, ainda carecer de licenciamento ambiental, porém, isso não deverá interferir, no primeiro momento, na implantação do Bacharelado em Agronomia. O processo de seleção de vagas se dará por meio do Sisu, considerando a última nota do Enem. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.