Sexta, 13 de Dezembro de 2019
Buscar

Nova Andradina destina mais 4,4 hectares para construção do Hospital de Câncer

Com ampliação, área total será de 5,5 hectares (Foto: PMNA)

O primeiro projeto de lei de 2014 sancionado pelo prefeito Roberto Hashioka oficializou a doação de mais 4,41182 hectares para a Fundação Pio XII – mantenedora do Hospital de Câncer de Barretos (SP). A iniciativa é de autoria do chefe do Executivo e foi aprovada por unanimidade em sessão extraordinária da Câmara de Vereadores.

A área é adjacente à anteriormente doada pelo Governo Municipal, de um hectare, para as obras do Centro de Diagnóstico de Câncer, já em construção no município. O prédio começa a ganhar forma na área localizada em frente ao campus da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), às margens da MS-134.

“A doação destes 4,41182 hectares tem por finalidade aumentar a área disponível à Fundação Pio XII, a fim de possibilitar, posteriormente, a construção de uma Unidade do Hospital de Câncer de Barretos em Nova Andradina, ao lado do referido Centro de Diagnóstico”, detalhou Roberto Hashioka, autor do projeto.

O gestor reiterou ainda a atuação do coordenador do Hospital de Câncer no Estado, Ademar Capuci, e do presidente da Fundação Pio XII, Henrique Prata. “Esta unidade irá possibilitar um tratamento ainda no estágio inicial do câncer, evitando que o paciente passe por processos desgastantes como o da quimioterapia”, acrescentou o prefeito.

Para Ademar Capuci, a iniciativa reforça as ações do Governo Municipal voltadas para a saúde. “O prefeito Roberto Hashioka sempre foi nosso parceiro e essa doação é mais um ato louvável, sendo ele também um dos primeiros prefeitos a nos apoiar nesse projeto”, destacou o coordenador do Hospital de Câncer em Mato Grosso do Sul. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.