Publicado em 11/09/2019 às 09:59, Atualizado em 11/09/2019 às 14:20

Nova Andradina é o único de MS a atingir 100% da meta de saúde do Bolsa Família

De 1° de janeiro a 30 de junho de 2019, 5729 beneficiários tiveram o acompanhamento da equipe de atenção básica do município

Cogecom,

Fotos:William Gomes

Cb image default

Nova Andradina foi único município do estado de Mato Grosso do Sul a atingir, no primeiro semestre deste ano, 100% da meta de acompanhamento de saúde das famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família, através do trabalho da secretaria municipal de saúde.

A boa notícia foi recebida nesta manhã (10) pelo prefeito Gilberto Garcia e o secretário da pasta, Arion Aislan, durante reunião com os responsáveis por este setor da Secretaria de Estado de Saúde (SES). Estavam presentes a gerente estadual de alimentação e nutrição, Maria Aparecida de Almeida Cruz e Eduardo Malheiros, que é responsável pelo sistema de informação do Bolsa Família e outros benefícios, além de servidores municipais que atuam neste setor como Simone Marega, Leandro Thomaz e Reina Simões.

O Programa Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda para famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o país. Para receber e continuar recebendo o benefício as famílias devem cumprir alguns compromissos.

Conforme o levantamento apresentado, de 1° de janeiro a 30 de junho de 2019, 5729 beneficiários tiveram o acompanhamento da equipe de atenção básica do município. Isso significa 100% das crianças de 0 a 7 anos, gestantes e mulheres com idade fértil de 14 a 49 anos beneficiárias deste programa.

Conforme preconiza o Bolsa Família, na saúde as famílias precisam estar vinculadas a uma unidade de saúde e realizar os cuidados básicos, como fazer o acompanhamento do peso e altura, verificar estado nutricional, se a vacinação está em dia, se a gestante cumpre o pré-natal, pós-parto e mães em amamentação e a data da última menstruação da mulher.

Para atingir o maior percentual de cobertura das condicionalidades de saúde dos 79 municípios de MS, a saúde utilizou diversas estratégias de acompanhamento dos beneficiários. Segundo a coordenadora Maria Aparecida, o governo municipal de Nova Andradina realiza um trabalho de excelência nesta área, com indicadores de saúde muito positivos.

"Fomos conhecer todas as estratégias utilizadas pelo município e consideramos muito boas porque envolveu os agentes comunitários de saúde e todas as unidades para fazer o contato com os beneficiários, verificar dados incompletos, divulgar iniciativas e localizar as famílias. Isso fez a diferença. Só temos que parabenizar o prefeito e servidores porque estão fazendo um trabalho sensacional", destaca a responsável pela supervisão e monitoramento deste serviço no estado.

Os dados coletados servem não apenas para vincular as famílias do Bolsa Família às unidades de saúde e estreitar laços como também diminuir a vulnerabilidade das famílias e, sobretudo, planejar ações nas ESFs.

Foi justamente pensando na implantação de novos projetos que Gilberto Garcia quis conhecer melhor o perfil dos usuários e as demandas da saúde. Diante dos indicadores apresentados, o prefeito solicitou a adoção de ações para erradicar o problema de crianças de 0 a 5 anos que estão abaixo do peso ideal. "São apenas 15 crianças nesta situação de desnutrição. Vamos resolver. Os agentes de saúde vão fazer a visitação dessas famílias e tomar as medidas necessárias", garantiu Gilberto.

Outras iniciativas também foram abordadas como a construção de mais duas academias de saúde (sendo uma em Nova Casa Verde), a adoção de programas complementares de incentivo ao aleitamento materno, parto humanizado, entre outros.

Vale ressaltar que a gerência de alimentação e nutrição também fiscalizou outros programas implantados no município como a Academia de Saúde, Saúde de Ferro e SISVAN.

Cb image default