Buscar

Novo pároco e novo vigário de Nova Andradina tomaram posse neste domingo (29)

Cerca de 1.500 fiéis participaram da celebração

Cb image default
Desde o último domingo (29), padre Jaime Bernardi passou a ser o novo pároco da comunidade de Nova Andradina - Imagem: Divulgação / Cepana

Na noite deste domingo (29), durante celebração presidida pelo bispo da Diocese de Naviraí, Dom Ettore Dotti, nas dependências do Santuário Imaculado Coração de Maria, em Nova Andradina, tomaram posse o novo pároco e o novo vigário. Durante a celebração, foi empossado como pároco, o padre Jaime Bernardi e como vigário paroquial, padre Itacir Gasparetto. Segundo dados obtidos pelo Nova News junto ao Centro Paroquial de Nova Andradina (Cepana), cerca de 1.500 fiéis compareceram ao ato religioso.

Pe. Jaime nasceu na localidade de Santana, município de Antônio Prado (RS), no dia 08 de setembro de 1957, filho de José Bernardi (in memoriam) e Olinda Bellé Bernardi. Uma família de oito irmãos, todos vivos. Em 1971 entrou no Seminário Apostólico Nossa Senhora de Caravaggio, em Farroupilha (RS). Foi ordenado diácono no dia 08 de março de 1986 na Paróquia Nossa Senhora da Paz, em Laferrere, Província de Buenos Aires, na Argentina.

Jaime foi ordenado sacerdote no dia 28 de setembro de 1986 na sua terra natal, pelas mãos de Dom Paulo Moreto, Bispo de Caxias do Sul (RS). Entre os anos 1987 a 1990 assumiu como superior da Comunidade Religiosa do Sagrado Coração de Jesus em Laferrere. Em 1991 e 1992 assumiu a Comunidade Religiosa em Montivideu, no Uruguai.

Cb image default
Durante a celebração, padre Jaime agradeceu a presença de todos e deixou uma mensagem de fé a toda a comunidade - Imagem: Divulgação / Cepana

Em abril de 1993, foi destinado à Comunidade Religiosa da Paróquia Santa Maria e São José, em Roma, na Itália, aonde permaneceu até o dia primeiro de janeiro 1998. Nos anos 1998 até 2002, foi pároco da Pároquia São João Calábria, em São Luiz do Maranhão. De 2003 a 2010, atuou na Paróquia Nossa Senhora das Graças, em Feira de Santana, na Bahia. Desde o ano de 2011, foi pároco da Igreja Nossa Senhora de Nazaré, de Marituba, no Pará e agora, assume a Paróquia de Nova Andradina.

O novo vigário, Itacir Gasparetto, atuou, até dezembro de 2017, como pároco da comunidade Nossa Senhora Aparecida, em Taquarussu e a partir de agora faz parte da comunidade de Nova Andradina.

Cb image default
Também durante a celebração, Padre Itacir Gasparetto (ao centro) assumiu a posição de vigário paroquial  - Imagem: Divulgação / Cepana

Muitas pessoas possuem dúvidas sobre o papel do pároco e do vigário paroquial dentro de uma Paróquia. De acordo com o Direito Canônico, conjunto de leis e regulamentos da Igreja Católica, o pároco é o pastor da paróquia a ele confiada; exerce o cuidado pastoral da comunidade que lhe foi entregue, sob a autoridade do bispo diocesano, em cujo ministério de Cristo é chamado a participar, a fim de exercer em favor dessa comunidade o múnus de ensinar, santificar e governar, com a cooperação também de outros presbíteros ou diáconos e com a colaboração dos fiéis leigos, de acordo com o direito.

Já o vigário paroquial ajuda o pároco no exercício de todo o ministério paroquial. Para o adequado cuidado pastoral da paróquia, sempre que for necessário ou oportuno, pode-se dar ao pároco um ou mais vigários paroquiais que, como cooperadores do pároco e participantes da sua solicitude prestam sua ajuda no ministério pastoral, de comum acordo e trabalho como pároco. Vigário é, portanto, aquele que “substitui o outro”. O papa, os bispos e os padres exercem sua autoridade em nome de Cristo, como seus vigários, ao serviço de toda a Igreja.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.