Buscar

Pesquisa do Jornal ‘O Progresso’ aponta liderança de Hashioka em Nova Andradina

Se as eleições fossem hoje, o atual prefeito Hashioka seria reeleito para um novo mandato com 43,7% das intenções de voto, seguido pelo segundo lugar o candidato Gilberto Garcia do PR

Uma pesquisa divulgada na edição desta sexta-feira (09) pelo Jornal ‘O Progresso’ mostra que o atual prefeito Roberto Hashioka lidera a disputa pela Prefeitura de Nova Andradina. 

Pesquisa divulgada na edição desta sexta-feira pelo Jornal ‘O Progresso’ mostra que o atual prefeito lidera a disputa pela Prefeitura de Nova Andradina (Imagem: Reprodução/O Progresso)

Segundo dados da pesquisa produzida pelo Atualidade Instituto de Pesquisa, Hashioka seria eleito para um novo mandato se as eleições fossem hoje com 43,7% das intenções de voto. Na sequência em segundo lugar aparece o candidato Gilberto Garcia com 22,3%, Edilson do Gás 11,3%, Claudinei Magrelo 5,7% e Mario Xavier 1,3%. Outros 12,0% dos entrevistados não sabem ou não responderam em quem vão votar nas eleições de 2 de outubro, enquanto outros 3,7% afirmaram que vão votar em branco ou anular o voto na pesquisa estimulada, que é aquela onde o pesquisador apresenta um disco com os nomes dos candidatos aos entrevistados.

Já na pesquisa espontânea, que é quando o entrevistador apenas pergunta em quem o eleitor votaria para prefeito se as eleições fossem hoje, Hashioka aparece com 38,3% das intenções de voto, contra Gilberto Garcia 15,7%, Edilson do Gás 7,0%, Claudinei Magrelo 3,7%, enquanto que 32,3% afirmaram que não sabem ou não responderam, e brancos e nulos somam 3,0%.

O Instituto também apurou a rejeição estimulada dos candidatos. Ao apresentar o disco com os nomes aos eleitores e perguntar em quais desses nomes você não votaria de jeito nenhum, 29,3% apontaram Edilson do Gás, 29,0% não rejeitaram nenhum, 28,3% Mario Xavier, 20,7% Roberto Hashioka, 20,3 Claudinei Magrelo e 18,3 Gilberto Garcia. Os que não opinaram somam 8,3% dos entrevistados.

A pesquisa realizada pelo Atualidade Instituto foi registrada junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o número MS-01417/2016. O levantamento foi realizado no dia 05 e 06 de setembro, junto a 300 eleitores e tem margem de erro de 5,6 pontos percentuais para mais ou para menos, com nível de com confiança de 95%. (com informações do Jornal O Progresso)

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.