Buscar

Por meio de “vaquinha solidária” APAE de Batayporã consegue pagar documentação para efetivar convênio

Paralisação das atividades da entidade chegou a ser repercutida no programa Cidade Alerta MS

Nas últimas horas, uma “vaquinha solidária” - sistema popular de doação voluntária de valores - foi realizada pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Batayporã com objetivo a angariar fundos para a quitação de uma guia junto à Receita Federal a fim de que o convênio entre a entidade e a Prefeitura Municipal seja efetivado.

Cb image default
Imagem: Nova News

Conforme já vem sendo noticiado pelo Nova News, na terça-feira (06), a Escola de Educação Especial “Luz do Amanhã”, mantida pela APAE, suspendeu o atendimento aos 82 alunos matriculados devido à falta de rapasses por parte da Prefeitura Municipal desde novembro de 2018. Os valores acumulados chegam a R$ 114 mil.

Através da página da APAE no Facebook, os responsáveis pela instituição solicitaram ajuda da comunidade para o pagamento da guia, sendo que, seriam necessários quase R$ 18 mil para a quitação do documento. Na postagem, foram informados dados bancários da entidade para que as pessoas pudessem efetuar os depósitos.

Em poucas horas, a solidariedade da população falou mais alto e o montante arrecadado, somado ao valor angariado com a recente realização de um bazar beneficente foi suficiente para o pagamento da guia, o que foi feito nesta sexta-feira (09). Já nos próximos dias, a documentação deverá estar disponível para a reativação do convênio.

Segundo os responsáveis pela instituição, a ajuda da comunidade foi de fundamental, sendo que, uma prestação de contas com relação à “vaquinha solidária” deverá ser divulgada em breve.

Federação das APAEs

Também nesta sexta-feira (09), uma equipe da Federação Estadual das APAEs esteve em Batayporã para participar de uma reunião com os membros locais da instituição.

O grupo tomou ciência da situação enfrentada pela entidade, bem como se mostrou solidário à causa, bem como tratou de outros assuntos internos.

Repercussão na TV

A paralisação das atividades da APAE em Batayporã pela falta de repasse por parte da Prefeitura Municipal tem sido repercutida por vários órgãos de imprensa de Mato Grosso do Sul.

O caso chegou até o programa Cidade Alerta MS, da TV MS (Record) de Campo Grande. O apresentador Rodrigo Nascimento detalhou a situação e cobrou providências urgentes com relação à resolução do impasse. Confira o vídeo:

PGlmcmFtZSBpZD0iX3V0cGFlcWU3aSIgc3JjPSJodHRwczovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS9lbWJlZC95M2JORVVoUThRTT9yZWw9MCZhbXA7YW1wO3Nob3dpbmZvPTAiIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd2Z1bGxzY3JlZW49IiI+PC9pZnJhbWU+

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.