Buscar

Prefeitura de Nova Andradina antecipa salários

O prefeito Roberto Hashioka autorizou nesta sexta-feira (23), a antecipação de 60% dos salários dos servidores públicos de Nova Andradina referentes ao mês de dezembro, tendo em vista que os 40% de adiantamento salarial e o 13º dos servidores já foram quitados no último dia 15. A antecipação representa uma injeção de R$ 1.609.111,99 na economia do município e o aquecimento das vendas no comércio local. Somados, os pagamentos efetuados ao longo do mês totalizam um aporte de R$ 5.822.987,97 em recursos que devem circular na economia nova-andradinense.

 “Mais uma vez conseguimos antecipar os salários, beneficiando as famílias dos nossos servidores em reconhecimento ao trabalho de todo o ano e aos direitos de todos. Sempre buscando ser justo, sem promover privilégios a nenhuma categoria e respeitando a isonomia, homenageamos desta forma os servidores que, ao trabalhar incansavelmente, constroem conosco uma Nova Andradina cada vez melhor”, ressaltou o prefeito Roberto Hashioka.

Antecipação foi autorizada pelo prefeito Roberto Hashioka (Imagem: Foto: Thiago Odeque/PMNA)

“Reafirmamos o compromisso em manter os pagamentos em dia e contribuir com o giro de recursos na cidade, pois sabemos que essas cifras acabam sendo um diferencial para o desenvolvimento de Nova Andradina e é exatamente o que torna nossa cidade atrativa a novos investimentos, pois há o comprometimento do poder público em gerar renda junto à população”, reforça o chefe do Executivo nova-andradinense.

POLÍTICA SALARIAL – De acordo com o prefeito Roberto Hashioka, a política salarial do funcionalismo municipal foi pautada na valorização da categoria, com correções anuais de acordo com o índice da inflação, que totalizam um reajuste acumulado em quatro anos de 61,6%. Os pagamentos sempre em dia também foram priorizados pela gestão. “Em reconhecimento ao funcionalismo municipal, nunca atrasamos os salários, pois acreditamos que os servidores são o maior patrimônio do município. Trabalho este, que só foi possível graças à austeridade empregada na gestão”, frisa.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.