Buscar

Probatec é lançado na cidade de Nova Andradina

O anfiteatro da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), campus Nova Andradina, sediou na quinta-feira (24), o seminário “Probatec - Programa de Desenvolvimento Sustentável de Base Tecnológica e de Inovação: Ferramenta para o Desenvolvimento Social e Econômico de Nova Andradina e Região”.

O presidente da Câmara de Nova Andradina, Newton Luiz de Oliveira (Nenão) e os vereadores Robertinho Pereira e Quemuel de Alencar estiveram presentes na abertura do evento. Também participaram representantes da UFMS e UEMS, o prefeito de Nova Andradina Roberto Hastioka; o prefeito de Santa Rita do Pardo, Cacildo Dagno;; associações, cooperativas e sindicatos, além de empresários, professores, estudantes e pesquisadores de diversas áreas. 

De acordo com o pró-reitor do IFMS, professor Luiz Simão Staszczak, a ação envolve as instituições de educação em uma iniciativa impar. “Essa medida é o lançamento de uma semente, que no tempo inicial vai se desenvolver em práticas, que possam realmente gerar a criação de ideias e transformar estas ideias em ações empreendedoras”, disse.

O projeto é apontado como uma das prioridades do Governo Municipal e também visa à criação da Fundação para Inovações Tecnológicas, a Fitec. A proposta conta ainda com o apoio da Fundação para Pesquisa e Desenvolvimento da Administração, Contabilidade e Economia (Fundace), de Ribeirão Preto (SP).

 Nenão disse que a Câmara dará todo o suporte no sentido da criação de uma legislação municipal que estimule à inovação e a tecnologia. “As leis são parte importante do marco legal para inovação. Nova Andradina sairá na frente no Estado de Mato Grosso do Sul ao regulamentar as atividades de pesquisa, ciência, tecnologia e inovação. O legislativo está a disposição naquilo que for necessário para avançarmos na consolidação deste parque tecnológico”, concluiu o presidente.

Palestras e debates

Duas palestras foram ministradas. A primeira abordou “A Importância do Sistema Local de Inovação para a Promoção e o Desenvolvimento Social e Econômico Sustentável” e, a outra, ministrada pelo professor e mestre Eduardo Cicconi, (Fipase), tratou sobre "Governança do Sistema Local de Inovação: o caso Fipase de Ribeirão Preto, SP”. O professor e doutor Luiz Simão Staszczak, pró-reitor do IFMS, moderou um painel de debates com o tema “Probatec: Construindo a autonomia gerencial e científica do Sistema Local de Inovação de Nova Andradina e Região”. (Imagem divulgação)

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.