Buscar

Sem solução, movimento dos caminhoneiros continua e fecha o 7º dia em Nova Andradina

Ministro Carlos Marun afirmou que o presidente Michel Temer irá dar outra justificativa sobre o movimento às 15h deste domingo

Se o presidente Michel Temer de fato se pronunciar neste domingo (27) e dar uma solução que seja aceita pelos caminhoneiros a paralisação nacional pode acabar, caso contrário, o movimento continuará no país assim como acontece em Nova Andradina e região.

Fechando o 7º dia, as manifestações continuam da mesma forma enquanto os brasileiros amargam os impactos de um colapso sem precedentes que atingem todos os setores. Atípica às sextas-feiras comuns, a noite de ontem estava com cara desértica em Nova Andradina com poucos veículos circulando devido à falta de combustível nos postos.

Cb image default

A MS-134 e a MS-276, que dão acesso à Nova Andradina, continuam com o movimento - Foto: Nova News

Ainda na noite de ontem, o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, concedeu uma entrevista ao Globo News após se reunir no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, com o governador Márcio França (PSB) e lideranças do movimento dos caminhoneiros de São Paulo. Na ocasião, ele afirmou que o presidente Michel Temer irá dar outra justificativa sobre o movimento às 15h deste domingo.

O ministro disse ainda que vai levar para o presidente novas propostas para tentar encerrar o movimento dos caminhoneiros. Entre as propostas que serão levadas para Brasília, Marun destacou a garantia de que o desconto de 10% no valor do diesel vai chegar na bomba de forma efetiva, a possibilidade de que a manutenção do preço seja ampliada de 30 para 60 dias e o fim da suspensão da cobrança de tarifa de pedágio para eixo elevado dos caminhões para todo o país. Esse último ponto já foi acertado pelo governo de São Paulo com os caminhoneiros.

Na quinta-feira, o governo anunciou uma proposta de acordo com os caminhoneiros, mas, segundo o último boletim divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), havia 586 pontos de bloqueio nas estradas do país até as 19h deste sábado.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.