Buscar

Top da Victoria’s Secret recusou emagrecer para ser anjo

Erin Heatherton disse que não entendeu o pedido da marca

(Foto: Reprodução/Instagram)

A modelo norte-americana Erin Heatherton, que abandonou o estatuto de “anjo” da Victoria’s Secret em 2013 depois de cinco anos desfilando para a marca, confessou em entrevista à revista Time o verdadeiro motivo da sua saída.

“Nos meus dois últimos desfiles da Victoria’s Secret me disseram para perder peso”, lembrou a jovem que, na altura, pesava pouco mais de 50 quilos.

Resolvida em relação a esse momento da sua vida –  em que chegou a entrar em depressão na tentativa de emagrecer para o desfile de 2013 – a top model continua sem “entender o pedido da Victoria’s Secret”.

Na época, a ex-namorada do ator Leonardo DiCaprio treinava duas vezes por dia e tinha uma alimentação saudável.

“Estava mesmo deprimida porque estava trabalhando muito e senti que o meu corpo não ia resistir. Cheguei a um ponto em que, numa noite, cheguei em casa, depois do treino e me  lembro de olhar para a minha comida e pensar que nem devia comer. Percebi que não podia ir à público, desfilando o meu corpo, para todas as mulheres que olham para mim, e dizer que isto é fácil e simples e que todo mundo consegue fazer isto, ficar assim”.

Depois desse último desfile, Erin decidiu que deveria ser honesta em relação à imagem que exibia nas passerelas e do esforço “necessário” para ser uma “angel”.

Na tentativa de “ajudar outras mulheres”, Erin decidiu trazer a público o porque de ter virado as costas à famosa marca de lingerie.

“Percebi que não conseguiria sair por aí, mostrando o meu corpo para todas essas mulheres e dizer-lhes que é fácil e simples. Estou disposta a sacrificar o meu orgulho, de certa forma, e a minha privacidade porque eu sei que se não falar sobre isso estarei ocultando uma informação que pode ajudar outras mulheres”, justificou.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.