Buscar

Nova-andradinense marca pela 1ª vez e põe o Blooming na briga pela Libertadores

Com a vitória, Los Celestes ficaram a um ponto da liderança do Torneio Apertura na Bolívia

Luciene Carvalho – Redação Nova News*

O nova-andradinense Ricardo Duarte virou o assunto da vez nos últimos dias nos gramados do futebol internacional. O zagueiro brasileiro balançou as redes pela primeira vez desde a sua chegada ao futebol boliviano há um ano e, de quebra, sacramentou a vitória do Blooming colocando "Los Celestes" na briga direta por uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores da América.

O triunfo do Blooming, válido pela quinta rodada do Torneio Apertura, veio em cima do Nacional Potosí, que havia vencido seu último duelo em Santa Cruz de la Sierra contra o Sport Boys Warnes. Ricardo Duarte marcou aos 22 minutos do primeiro tempo garantindo a vitória por 2 a 0 dentro de casa, no Estádio Tahuchi Aguilera.

Zagueiro nova-andradinense balançou as redes pela primeira vez (Imagem: Divulgação)

Com o resultado, o time do brasileiro chegou a nove pontos e saltou para a terceira colocação, encostando-se ao segundo colocado Bolívar, que também tem nove. O placar deixou "Los Celestes" a um ponto do líder Guabira. O Torneio Apertura possui 12 equipes e também garante vaga na Copa Sul-Americana.

"Foi uma emoção muito grande. O lance nasceu de uma cobrança de falta lateral. O Joselito [meio campo do Blooming] cobrou no primeiro pau, mas houve um pequeno desvio. Foi quando cheguei com a cocha, empurrando para o gol", descreveu Ricardo.

O gol rendeu destaque ao brasileiro, que estampou a capa dos principais jornais do País. "Tudo isso é bacana, me motiva muito, mas é fruto, principalmente, de todo um grupo que trabalha diariamente para que o Blooming cresça cada vez mais. Então o mérito é sempre da equipe", afirmou o camisa 4.

Ao comentar sobre a possibilidade de disputar a primeira Libertadores da carreira, Ricardo Duarte frisou: "é algo que empolga qualquer jogador, pois é a elite do futebol em nosso continente e um dos campeonatos mais disputados do mundo, com jogadores renomados, de seleção".

Por outro lado, o zagueiro ponderou que "a classificação é vista como a consequência de um bom trabalho". "Se quisermos disputar a Libertadores devemos também pensar em títulos, pois os pontos conquistados nas primeiras rodadas fazem toda a diferença definindo as vagas nos torneios continentais e até mesmo o campeão". (*com informações do site Dourados Agora)

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.