Publicado em 09/02/2019 às 07:53, Atualizado em 09/02/2019 às 10:55

Bacia do Rio Paraná – PMA recebe novos equipamentos avaliados em mais de R$ 1 milhão

Lanchas, barcos e motores serão empregados nas ações de fiscalização

Acácio Gomes, Redação Nova News

Imagens: Assessoria

Cb image default

A Polícia Militar de Mato Grosso do Sul (PMMS) recebeu nesta sexta-feira (08) novos equipamentos que serão utilizados para prevenção de crimes ambientais, entre outros crimes, em Mato Grosso do Sul. Voltados à preservação do meio ambiente, tão rico e tão importante para esta e para as gerações futuras, as equipes terão à disposição equipamentos para a prevenção e repressão imediata de crimes.

A PMMS realiza constantemente fiscalização e educação ambiental através das suas unidades de Polícia Militar Ambiental (PMA) buscando preservar a biodiversidade de Mato Grosso do Sul, que vai do bioma pantaneiro ao cerrado.

Mediante parceria e convênio firmado entre o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública e a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico com a PMMS, esta terá a sua disposição os equipamentos náuticos mais modernos do mercado, adquiridos após um estudo técnico baseado na realidade e peculiaridades de cada rio do estado.

Foram adquiridas: Duas lanchas com motor 150 HP; duas lanchas com motor 115 HP; cinco lanchas com motor 60 HP; nove barcos para motor de até 30 HP; 18 motores de popa de 15, 30 e 40 HP; um motor 115 HP; três barcos para motor até 40 HP; e cinco reboques para barco de seis metros.

Cb image default

Os investimentos totalizam o montante de R$ 1.225.408,00, que fazem parte de um recurso maior, viabilizado através dos termos de compromisso de compensação ambiental 07/2017 e 03/2016, para atenderem as unidades da Polícia Militar Ambiental que atuam na bacia do Rio Paraná, repassados pela Companhia Energética de São Paulo (Cesp).

Além da frota náutica já adquirida, está em processo licitatório a compra de novos fardamentos para os policiais do Batalhão de Polícia Militar Ambiental, confeccionados com tecidos digitalizados, ecologicamente corretos, que usam como matéria prima garrafas pet recicladas. O fardamento possui na composição proteção de 50% contra raios solares e repelente contra insetos, que proporcionará mais conforto aos militares.

Também está em fase avançada a compra um caminhão 4×4, adquirido com recursos do Ibama, além de novas embarcações para atenderem as subunidades da PMA localizadas na bacia do Rio Paraguai; dez viaturas 4×4 para fiscalização ambiental e dois micro-ônibus para transporte da tropa e educação ambiental por todo o Estado.

O comandante-geral da PMMS, coronel Waldir Ribeiro Acosta, destacou que todos devem se empenhar ao máximo para garantir a sustentabilidade do meio ambiente às gerações futuras. “Com os equipamentos adquiridos, teremos os meios necessários para cumprirmos esta missão”, disse. (As informações são da assessoria).