Buscar

Brasil vai exportar material genético de bovinos a 4 países

Depois de uma semana de negociações, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento firmou acordos com representantes do Quênia, Equador, Colômbia e Guatemala para venda de material genético de bovinos.

No caso do Quênia, foi acertada a exportação de embriões in vitro e in vivo, bovinos vivos e sêmen. Para o Equador, foram estabelecidos os certificados (CZI) de embriões in vivo e in vitro. A Colômbia vai importar sêmen, enquanto a Guatemala fará a compra de embriões in vitro e in vivo.

Para o diretor do Departamento de Saúde Animal (DSA) do ministério, Guilherme Marques, investimentos na pecuária e o reconhecimento do Brasil como livre da febre aftosa contribuíram para as negociações e abertura de mercados.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.