Buscar

Consumidores terão economia de R$ 14,1 bilhões com leilão de energia

Todos os 20 lotes oferecidos no primeiro leilão de transmissão de energia do ano, realizado nesta quinta-feira (28), foram arrematados com deságio recorde de 55%. Segundo o Ministério de Minas e Energia, os brasileiros vão ter economia de R$ 14,1 bilhões nos próximos 30 anos, período de concessão às empresas vencedoras.

Quanto maior o deságio do leilão, explica a pasta, menos os consumidores pagam para que haja a expansão do sistema de transmissão. Cerca de R$ 6 bilhões serão investidos nos empreendimentos a serem construídos, com criação de 13,6 mil empregos indiretos.

Os 2.562 km de linhas de transmissão e 2.223 mega-volt-amperes de potência de subestações estão divididos em 16 estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.