Buscar

Garotinho de Batayporã, internado na Capital, sai da UTI, mas situação ainda é delicada

Família aguarda avaliação de neurologista para saber como está o cérebro da criança

Foto e vídeo: Cedidos pela Família

Cb image default

Na última semana, mais uma vez, o Nova News levou ao ar um reportagem sobre a situação do garotinho Davi Samuel, de três anos, residente em Batayporã, e que estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa de Campo Grande, após sofrer complicações durante a preparação para uma cirurgia na região da boca.

Em junho deste ano, o site já havia produzido uma matéria sobre o drama de Davi, na época com dois anos e sete meses. A criança nasceu com vários problemas de saúde e luta diariamente pela vida. A mãe, Valquíria Alves da Silva, conta que quando ela estava no segundo mês de gestação, foi acometida por uma grave infecção e os médicos optaram por salvar sua vida, mediante a aplicação de medicamentos fortes, que lhe devolveriam a saúde, mas abortariam a criança. Ela foi submetida ao tratamento, porém, ao invés de ser abortada, a criança nasceu com várias complicações.

Segundo o pai, Rafael Machado da Silva, Davi veio ao mundo com má formação no coração, dois coágulos no cérebro, problemas nas pernas e pés, perda total de audição, duas hérnias e dificuldade de movimentação em um dos lados do corpo e outras complicações. Logo nos primeiros meses de vida, ele passou por uma cirurgia do coração, além de outros procedimentos de alto risco. A criança precisou tomar medicamentos que acabaram por afetar a saúde de seus dentes, que ficaram quebradiços.

De fato, a dentição de leite de Davi ficou tão frágil, que todos os dentes se quebraram, restando apenas as raízes fixadas nas gengivas, sendo que estas raízes precisam ser removidas. 

A mãe explica que, na quarta-feira (31/10), durante os procedimentos de anestesia para a cirurgia na boca, o garotinho sofreu sérias complicações e entrou em coma. Ele então foi transferido do hospital em que estava para a Santa Casa da Capital, onde foi colocado na UTI.

Na manhã desta terça-feira (06), o Nova News entrou em contato com a família e obteve a informação de que a criança teve uma sensível evolução. Davi saiu do coma e deixou a UTI, sendo que, agora, segue internado no quarto, porém, está bastante debilitado, sem conseguir se movimentar. “Ele mexe apenas com os olhos. Estamos aguardando uma avaliação de neurologista para saber o estado de saúde do cérebro dele, o que pode explicar esta paralisação dos movimentos”, disse a mãe.

A família explica que a parada cardiorrespiratória que ele sofreu durante a preparação para a cirurgia pode ter afetado o sistema neurológico, porém, isso só será confirmado ou descartado com os resultados de exames e avaliações que estão sendo providenciados. “Estamos muito preocupados, mas o fato de ele ter saído da UTI, para nós, já é um milagre. Continuamos a pedir orações pela saúde do Davi e gradecemos a todos que já estão fazendo parte desta corrente de fé em favor do meu filho”, disse Valquíria.

Um vídeo encaminhado pela família ao Nova News mostra a atual situação da criança:

PGlmcmFtZSBpZD0iX3UxNXdhZDU4MSIgc3JjPSJodHRwczovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS9lbWJlZC9aVFFXZ2YwVGRXZz9yZWw9MCZhbXA7YW1wO3Nob3dpbmZvPTAiIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd2Z1bGxzY3JlZW49IiI+PC9pZnJhbWU+

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.