Buscar

IFMS divulga lista de isentos da taxa de inscrição do Exame de Seleção 2020

Candidatos que tiveram o pedido negado poderão recorrer na segunda e terça-feira, 21 e 22. Inscrições seguem até 6 de novembro

Imagem: Divulgação

Cb image default

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) divulgou nesta sexta-feira, 18, a lista de candidatos isentos da taxa de inscrição do Exame de Seleção 2020, processo seletivo para ingresso em cursos técnicos integrados ao ensino médio. Puderam solicitar isenção estudantes da rede pública de ensino.

O resultado preliminar dos pedidos de isenção está publicado na Central de Seleção do IFMS, onde também está disponível o edital com as regras do processo seletivo.

Os candidatos que tiveram o pedido de isenção negado poderão interpor recurso na segunda e terça-feira, 21, e 22. A divulgação do resultado definitivo está prevista para 29 de outubro.

Aqueles que tiverem o pedido de isenção negado no resultado definitivo deverão pagar a taxa de inscrição - uma Guia de Recolhimento da União (GRU) no valor de R$ 25,00 - até 7 de novembro, em qualquer agência do Banco do Brasil.

Inscrições - Os interessados em fazer o Exame de Seleção 2020 devem se inscrever até 6 de novembro, pela Página do Candidato da Central de Seleção.

São oferecidas, ao todo, 1.440 vagas para cursos em que o estudante faz o ensino médio junto com as disciplinas do curso técnico.

As opções são Agricultura, Agropecuária, Alimentos, Edificações, Eletrotécnica, Informática, Informática para Internet, Mecânica e Metalurgia, além de Aquicultura e Desenvolvimento de Sistemas, ofertados pela primeira vez.

As vagas são oferecidas nos municípios de Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas.

Metade das vagas é reservada a candidatos que estudaram em escola pública. Desse total, há cotas para aqueles que comprovarem renda familiar bruta mensal per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio, aos que se autodeclararem pretos, pardos e indígenas, e a pessoas com deficiência.

A opção de beneficiário de ação afirmativa deverá ser informada no ato da inscrição. A condição de cotista precisa ser comprovada através da documentação apresentada na matrícula.

Podem concorrer estudantes que concluíram ou estejam concluindo o ensino fundamental. Na inscrição, é preciso informar o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) do estudante que irá concorrer à vaga.

Confira aqui o passo a passo para fazer a inscrição.

O exame terá 50 questões de múltipla escolha, sendo 20 de língua portuguesa, 20 de matemática e 10 de conhecimentos gerais. Confira o que cai na prova.

A previsão é que o gabarito seja divulgado no dia seguinte. O resultado preliminar está previsto para 16 de dezembro. No dia 20 será publicada a primeira chamada, com matrículas entre 14 e 17 de janeiro.

Todas as informações sobre o processo seletivo estão na página do Exame de Seleção 2020.

Curso - Têm duração média de três anos e meio e são oferecidos na modalidade presencial. O diploma possibilita tanto o ingresso na universidade como no mundo do trabalho.

Em caso de dúvidas sobre o Exame de Seleção 2020, o contato deve ser feito pelo e-mail processoseletivo@ifms.edu.br.

Cb image default

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.