Buscar

IFMS divulga segunda chamada para cursos técnicos em Nova Andradina e mais três municípios

Convocados devem realizar matrícula na quinta e sexta-feira, 1º e 2, nos campi Aquidauana, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas

Cb image default

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) divulgou nessa segunda-feira, 29, a segunda chamada na seleção para cursos técnicos subsequentes e na Educação de Jovens e Adultos (Proeja). A relação dos convocados está publicada na Central de Seleção.

A matrícula deve ser realizada nesta quinta e sexta-feira, 1º e 2, na Central de Relacionamento (Cerel) do campus onde o candidato concorreu à vaga. Os horários de atendimento e endereços estão dispostos no edital e na tabela abaixo.

É necessário apresentar originais e cópias do RG, CPF, certidão de nascimento ou casamento, documentos que comprovem estar em dia com obrigações eleitorais (maiores de 18 anos) e militares (homens maiores de idade).

O candidato também deve apresentar o requerimento de matrícula preenchido e assinado, comprovante de preenchimento do Questionário Socioeconômico e uma foto 3x4 recente, além de original e cópia do histórico escolar para comprovação da escolaridade mínima exigida para cada curso.

Os beneficiários de ação afirmativa (cotistas) precisam ainda comprovar, por meio do histórico escolar, que estudaram na rede pública, e apresentar os documentos necessários para o cálculo da renda familiar. Já as pessoas com deficiência devem apresentar o formulário para entrega do laudo médico. Os modelos de documentos e formulários estão disponíveis na Central de Seleção.

A matrícula pode ser feita presencialmente ou por outra pessoa, caso o candidato esteja impedido de efetuá-la, com a apresentação de uma procuração simples (de próprio punho). Menores de 18 anos devem estar acompanhados do representante legal.

Oferta - O IFMS ofereceu 200 vagas para os cursos técnicos subsequentes em Agricultura, Informática para Internet, Manutenção e Suporte em Informática e Zootecnia; e para o curso técnico integrado em Edificações, oferecido na modalidade Proeja, nos municípios de Aquidauana, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas.

No ensino técnico subsequente, é ofertada a formação na área escolhida por um período mínimo de um ano e meio. O diploma é válido para o exercício profissional. Na modalidade Proeja, o estudante cursa o ensino médio e as disciplinas do técnico ao mesmo tempo. A duração é de três anos. Ao final, o formando poderá ingressar no mundo do trabalho ou no ensino superior.

A seleção dos inscritos foi realizada por meio de sorteio eletrônico. O início das aulas está previsto para 5 de fevereiro.

Locais e horários de atendimento para matrícula

Cb image default

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.