Domingo, 15 de Dezembro de 2019
Buscar

Lançada Matrícula Digital 2020 na Rede Estadual de Mato Grosso do Sul

Data oficializou a ampliação do Ensino Médio em Tempo Integral, avanço no processo de reordenamento da REE e abertura das matrículas nas escolas cívico-militares

Cb image default
Imagem: Divulgação

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por intermédio da Secretaria de Estado de Educação (SED), oficializou nesta sexta-feira (29) a abertura da Matrícula Digital 2020, na Central de Matrículas da Rede Estadual de Ensino (REE). A data também vai marcou o anúncio da ampliação do Programa Escola da Autoria, com 13 novas escolas que ofertarão o Ensino Médio em Tempo Integral (EMTI), totalizando 46 unidades em todo o MS.

Com final previsto para dia 31 de dezembro, a primeira etapa da pré-matrícula servirá para que os interessados possam garantir as vagas nas unidades escolares apontadas como “1ª opção” direto pelo sistema do portal de matrículas da SED, que pode ser acessado pelo link: www.matriculadigital.ms.gov.br. Em caso de dúvidas, a Central de Matrículas da REE também atende pelo 0800-647-0028.

Durante a divulgação do calendário de matrículas, também foi apresentada a próxima etapa do reordenamento da Rede Estadual, colocada em prática desde o início da atual gestão e que é executada com a colaboração das redes municipais de ensino de todo o MS.

As mudanças previstas para 2020 envolverão unidades escolares com transferência de todas as turmas ou municipalização de escolas nas cidades de Aquidauana, Deodápolis, Dourados, Glória de Dourados, Campo Grande, Iguatemi, Itaquiraí, Mundo Novo e Ponta Porã. Ao todo serão 13 escolas envolvidas na atual etapa do reordenamento.

EMTI

A data de abertura da Matrícula Digital 2020 também marcou a ampliação da rede de atendimento para a oferta do Ensino Médio em Tempo Integral (EMTI) – Programa Escola da Autoria – em MS. Hoje com 33 unidades, o EMTI saltará para 46 escolas no início de 2020. Serão 13 escolas com a modalidade implementada em dez municípios. Presente em 16 cidades do Estado, o EMTI é responsável por mais de 7.5 mil estudantes matriculados.

Com esse incremento, a partir do próximo ano, o EMTI estará presente em 22 municípios – alguns com mais de uma escola. São eles: Aquidauana, Amambai, Anastácio, Bela Vista, Caarapó, Camapuã, Campo Grande (14), Cassilândia, Corumbá, Coxim, Dourados (3), Jardim, Maracaju, Miranda, Naviraí (2), Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Paranaíba, Ponta Porã (2), Ribas do Rio Pardo, Sidrolândia e Três Lagoas (2).

Pecim

Outra novidade que está à disposição neste período de matrícula é a possibilidade de escolher entre as unidades escolares que trabalham com o Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares (Pecim), do Governo Federal. Na Rede Estadual serão duas escolas, ambas de Campo Grande.

A primeira, EE Alberto Elpídio Ferreira Dias – prof. Tito, em fase final de construção, vai colocar em prática uma proposta desenvolvida em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul (CBMMS). Com excelente resultado durante a consulta à comunidade (93% de aprovação) a região demonstrou grande interesse na implementação da proposta e a escola também fará parte das unidades que trabalharão com o EMTI em 2020.

Já a segunda, EE Marçal de Souza Tupã-y, que fará parte do Programa com a parceria da Polícia Militar de MS (PMMS), é responsável pelo atendimento à 800 estudantes, matriculados nos ensinos Fundamental e Médio, e contou com quase 80% de aprovação da comunidade no momento de consulta antes da adesão ao Pecim.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.