Buscar

Parque das Várzeas do Rio Ivinhema será palco de treinamento da PMA

Curso visa unificar procedimentos realizados por todas as subunidades de Estado

A Polícia Militar Ambiental (PMA) iniciou a 13ª Edição do Curso de Policiamento Ambiental (CPA) nesta terça-feira (06), às 8h, no auditório do Tribunal de Contas do Estado (TCE), com participação do subcomandante Geral da Polícia Militar, coronel André Luiz Saab e do comandante do 15º Batalhão de Polícia Militar Ambiental, tenente-coronel Jefferson Vila Maior.

A abertura ocorreu na Capital e o restante do curso ocorrerá no Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema (Pevri), no quartel da PMA e em vários pontos do Estado, com aulas práticas. O treinamento contará com a participação de 40 policiais, entre ambientais e de outras unidades da PMMS e de outras forças de segurança. Com essa edição serão 530 policiais formados, desde a primeira vez da oferta do curso.

Cb image default
Treinamento contará com a participação de 40 policiais, entre ambientais e de outras unidades da PMMS  - Imagem: Divulgação / PMA

Com duração de 12 dias em 140 horas/aula, o objetivo é de treinar e aperfeiçoar os policiais ambientais de outras subunidades da Polícia Militar, para o desenvolvimento dos trabalhos de fiscalização, no intuito de prevenir e reprimir os crimes e infrações ambientais de forma mais efetiva e aperfeiçoar a confecção das autuações.

Segundo a organização, o treinamento visa evitar perdas jurídicas por possíveis falhas nos autos, tanto na instância penal, civil e administrativa, bem como unificar procedimentos realizados por todas as subunidades da PMA no Estado. (Com informações da PMA). 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.