Buscar

Procon multa Banco do Brasil e Vivo por mau atendimento durante Carnaval

O Procon de Corumbá, a 419 quilômetros de Campo Grande, multou a empresa de telefonia Vivo e uma agência do Banco do Brasil, por ambas terem prestado um serviço de má qualidade, durante as festas de Carnaval na região. 

Nesta semana, as duas instituições foram notificadas, e terão prazo de 10 dias para depositarem os valores de aproximadamente R$ 100 mil e R$ 30 mil, respectivamente. A quantia deve ser destinada ao FMDC (Fundo Municipal de Defesa do Consumidor). 

De acordo com o prefeito da cidade, Paulo Duarte (PT), mais uma vez a prefeitura teve que arcar com os erros de instituições. “Mais uma vez os órgãos reguladores não agem, e a Prefeitura é obrigada a tomar as providências, para que situações como estas não aconteçam mais”, declarou.

Paulo Duarte disse que o caso do Banco do Brasil “foi uma falta de planejamento que acabou causando prejuízos à economia corumbaense”. No Carnaval, a agência ficou sem dinheiro nos caixas, causando transtornos para a população e aos turistas que visitaram a região. Sobre a Vivo, Paulo Duarte ainda afirmou que a postura da companhia foi “uma verdadeira falta de respeito à população”.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.