Buscar

Sérgio Longen e Roberto Hashioka lançam obras do Centro Integrado SESI Senai

Construção está orçada em aproximadamente R$ 7 milhões; também serão aplicados outros R$ 6 milhões na aquisição de móveis e equipamentos. Investimento total será de mais de R$ 13 milhões 

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul (Fiems), Sérgio Longen, e o prefeito de Nova Andradina, Roberto Hashioka, lançaram nesta sexta-feira (15), na Praça Brasil, as obras do Centro Integrado SESI Senai (CISS). Na ocasião, também foram entregues 620 certificados para estudantes de 23 cursos de qualificação que foram realizados gratuitamente no decorrer do ano. 

De acordo com o prefeito Roberto Hashioka, a estrutura será construída em um terreno doado pelo Governo Municipal de 32.850 metros quadrados (m²). A área fica localizada às margens da rodovia MS-134, próximo à rotatória que dá acesso ao município de Batayporã. O projeto de lei que oficializou a doação do terreno é de autoria do chefe do Executivo municipal.

Cerimônia que oficializou lançamento das obras foi realizada na Praça Brasil (Foto: Natalho Cuer/PMNA)

Durante a solenidade, o gestor relembrou a implantação do Senai em Nova Andradina. "Em nosso primeiro mandato compramos uma oficina antiga, a reformamos e fizemos um comodato, uma parceria com a Fiems, e ali se iniciou o Senai em nossa cidade, contando também com o grande apoio que sempre tivemos do Sebrae", comentou o prefeito. 

O chefe do Executivo acrescentou que à época "houve um entrosamento e com o passar dos anos tivemos a oportunidade de estabelecer uma grande parceria com o Sistema S, envolvendo o comércio, a indústria, o setor rural entre outros segmentos, de forma que pudéssemos promover uma melhoria no custo do sistema implantado nos municípios, sendo Nova Andradina o primeiro do Brasil".

Com o terreno já oficializado, o prefeito também ratificou as tratativas do Governo Municipal para a implantação de unidades do SESC e Senac através de parceria com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio). "Desapropriamos uma área de quatro hectares, ou seja, de 40 mil m², sendo 32.850 m² para o SESI Senai e 7.150 m² que serão destinados para o SESC Senac, que é ligado à Fecomércio", frisou.

Investimentos e viabilidade 

Segundo Sérgio Longen, o Centro Integrado SESI Senai irá disponibilizar serviços nas áreas de educação básica articulada com a educação profissional, concentrando, em um único local, o mais completo espaço de formação da cidadania aliado à capacitação profissional. A previsão é de que sejam investidos nos próximos 12 meses mais de R$ 13 milhões na construção e na aquisição de móveis e equipamentos.

"Nova Andradina é um município que atende o princípio da viabilidade. Através de números tem demonstrado um crescimento arrojado e as ações desenvolvidas aqui pelo prefeito Roberto Hashioka e por toda a sua equipe tem feito a diferença, atendendo as demandas que são do setor empresarial, da indústria, do comércio e da agricultura", destacou o presidente da Fiems. 

Por meio do Serviço Social da Indústria (SESI), o CISS oferecerá educação (Ensino Médio e Educação para Jovens e Adultos), esporte, saúde (geral e ocupacional), lazer e cultura. Já pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) será ofertada educação profissional técnica de nível médio, qualificação, aperfeiçoamento profissional entre outros. 

O CISS irá contar com bloco administrativo, área de atendimento à saúde e segurança do trabalhador, estacionamento, quadra poliesportiva coberta, almoxarifado, sala de professores, sete salas de aula, biblioteca, cantina, oficina metalmecânica, oficina de solda, oficina eletroeletrônica, oficina multiuso, laboratório de informática, laboratório de desenho assistido por CAD e laboratório físico-químico.

A primeira-dama e deputada estadual, Dione Hashioka, também enfatizou a iniciativa. "Essa obra representa um importante espaço de formação da cidadania. Parabenizo a Fiems, o Senai e o SESI pela modernização e expansão em nosso Estado. Instituições que como poucas nasceram para durar com o desafio de formar a mão de obra necessária para o desenvolvimento econômico e social do País", pontuou. 

Certificados

Após o lançamento da obra do CISS de Nova Andradina, os representantes oficializaram a entrega dos certificados de conclusão para os 620 alunos capacitados em 23 qualificações realizadas pelo Senai no decorrer do ano. Entre eles está Luciana dos Santos (31). A profissional atua como costureira há mais de dez anos e concluiu o curso de Modelista. 

"Sempre tive um desejo no meu coração de me aprofundar mais no ramo do vestuário. O Senai me concedeu essa oportunidade e, em dezembro do ano passado, conclui o curso de modelagem industrial. Em fevereiro subi de cargo na empresa onde trabalho, meu salário aumentou, a minha renda em casa com minha família melhorou e gostaria muito de agradecer ao Senai, pois hoje sou modelista", destacou. 

A cerimônia contou com a presença do diretor corporativo da Fiems, Jaime Verruck, diretor do Senai, Jesner Escandolheiro, engenheiro da Fiems, Julio das Cas, e da gerente do Senai, Sandra Denega. A solenidade reuniu ainda os vereadores Quemuel de Alencar, Cido Pantanal, Ricardo Lima e Vicente Lichoti, além dos secretários Márcio Costa (Desenvolvimento), Arion Aislan (Finanças) e Elizabeth Anami (Infraestrutura).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.