Buscar

Caminhoneiro de Batayporã é vítima de assaltantes no RJ; criminosos roubaram carga avaliada em R$ 500 mil

Motorista, que estava com a namorada, ficou sob a mira dos ladrões

Cb image default
Roubos de cargas são muito comuns no Rio de Janeiro; criminosos se apoderam das mercadorias que depois são vendidas no mercado paralelo - Imagem: Ilustração / Reprodução

No final da tarde desta quarta-feira (28), por volta das 18h30, pelo horário de Brasília, o motorista de uma carreta pertencente a uma transportadora de Batayporã foi vítima de assalto no Rio de Janeiro. O condutor, residente em Batayporã, e que estava na companhia da namorada, pegou uma carga de produtos diversos, avaliada em R$ 500 mil.

Segundo ele, o carregamento seria levado do Rio de Janeiro (RJ), para Cuiabá (MT), sendo que, ao sair da distribuidora, na região de Duque de Caxias, criminosos armados cercaram a carreta e dominaram o motorista e a namorada. Enquanto um bandido permaneceu na cabine do veículo, com a arma apontada para a cabeça do condutor, outros dois seguiam de motocicleta à frente, indicando o caminho por onde ele deveria passar.

Cb image default
Motorista foi dominado pelos criminosos logo que saiu da transportadora, na região de Duque de Caxias - Imagem: Reprodução / Google

O motorista relatou que os criminosos o levaram até uma favela, onde a carga foi totalmente retirada da carreta. “Havia uma arma apontada para mim o tempo todo, porém, os ladrões afirmavam que queriam apenas a carga e que nada de mal nos aconteceria. Foram momentos de muita tensão”, relatou o motorista.

Após o descarregamento total das mercadorias, o condutor, a namorada e a carreta foram liberados para seguir viagem. Uma vez livre dos criminosos, o motorista compareceu em uma delegacia de polícia na região de Duque de Caxias, onde o caso foi comunicado às autoridades. O Nova News apurou que nem ele nem a namorada sofreram ferimentos.

Segundo a transportadora, a carga, avaliada em meio milhão de reais tem seguro, que deverá cobrir os prejuízos. Roubos de cargas são bastante comuns no Rio de Janeiro. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.