Buscar

Caso Vitor Peixin – População se aglomera em frente à Delegacia de Nova Andradina clamando por justiça

Polícia Civil pede paciência e afirma que está fazendo seu trabalho

Na tarde desta terça-feira (13), populares se aglomeraram em frente à 1ª Delegacia de Polícia de Nova Andradina clamando por justiça com relação ao caso do garoto Vitor Figueiredo Peixin, de 10 anos, que estava desaparecido desde às 08h de domingo (11) e que foi encontrado morto na manhã desta terça-feira (13) sobre o telhado de uma residência próxima à casa onde ele morava, no Bairro Argemiro Ortega.

Cb image default
Delegado regional de Polícia Civil, André Luiz Novelli, e o delegado titular, Luiz Quirino, saíram do interior da delegacia e falaram com populares - Imagem: Márcio Rogério / Nova News

Após um adolescente de 17 anos ter sido conduzido à Delegacia de Polícia na condição de averiguado, para passar possíveis informações às autoridades, dezenas de pessoas foram para o local. 

O delegado regional de Polícia Civil, André Luiz Novelli, e o delegado titular, Luiz Quirino, saíram do interior da delegacia e falaram com as pessoas que por lá estavam.

Eles pediram paciência e disseram que a Polícia Civil está fazendo seu trabalho no sentido de que o caso seja elucidado. Pelo apurado, o adolescente averiguado negou envolvimento na morte do menino. 

Acompanhando o caso, o Nova News também apurou que a polícia trabalha com a hipótese de mais uma pessoa envolvida no crime e mais pessoas podem ser detidas a qualquer momento. Até o fechamento da matéria, a Polícia Civil disse que não pode revelar detalhes das investigações nem a identidade dos supostos envolvidos para que as investigações não sejam comprometidas.

Imagens: Márcio Rogério / Nova News

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.