Buscar

Durante operação,  delegado  atira  em Pit Bull para evitar ataque em PMs,  na cidade de Bataguassu

Na manhã desta sexta-feira (08), enquanto a Polícia Civil em conjunto com a Polícia Militar da cidade de Bataguassu, cumpriam um mandado de busca domiciliar, na residência de uma rapaz de 21 anos, o cachorro, Pit Bull, de propriedade do autor, apresentou perigo para dois militares e, acabou sendo alvejado com um tiro.

Segundo o boletim de ocorrência, os policias foram até a residência, que fica localizada na Rua Diamantino, Bairro Jardim Irmãos Solito, em Bataguassu, e ao anunciar o mandado o rapaz mostrou hostilidade e, começou a não obedecer as ordens policiais, sendo necessário, o uso das algemas.  

De acordo com o registro, no momento em que dois policiais militares, algemavam o autor, um Pit Bull que estava solto no quintal da casa, teria iniciado um ataque aos patrulheiros, que foi impedido por um tiro efetuado pelo delegado de polícia de Bataguassu. O disparo não chegou a matar o cachorro, que foi socorrido até uma clínica veterinária, para atendimento necessário.

Na operação, os agentes encontraram uma porção de maconha, uma câmera digital, um computador e, um aparelho celular. Segundo os policiais, o autor não foi capaz de comprovar a origem dos objetos, que foram apreendidos, para investigações.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.