Buscar

Família realiza buscas na tentativa de localizar homem desaparecido

Fernando Dias Oliveira saiu de Minas Gerais com destino a Nova Andradina, mas desapareceu durante a viagem

Familiares de Fernando Dias Oliveira, desaparecido desde a última quarta-feira (09), estão em Nova Andradina para tentar localizar o homem de 33 anos, que teria sido visto pela ultima vez no Terminal Rodoviário do Distrito de Nova Casa Verde. Ele embarcou em um ônibus em Minas Gerais, mas não chegou a Nova Andradina.

Um veículo cedido pela Prefeitura de Itaipé (MG), com irmão, cunhado e amigo do homem, percorre os acampamentos da região, onde pessoas relataram ter visto um homem com semelhanças de Fernando. A família da ex-mulher da vítima reclama da falta de atenção por parte da companhia de viagens.

Nas palavras deles, a empresa sequer se pronunciou na tentativa de esclarecer o que ocorreu durante a viagem. Uma irmã de Fernando Oliveira, que mora Minas Gerais, revelou à ex-cunhada, residente em Nova Andradina, que a cerca de um mês, o homem teria apresentado diferença de comportamento. 

Fernando Dias Oliveira, de 33 anos, é procurado por parentes e amigos (Foto: Nova News/Arquivo da Família)

Segundo familiares, ele dizia estar com falta de memória, mas que ninguém teria dado importância ao fato, uma vez que, momentos depois, ele teria voltado a se comportar normalmente. A família acredita que Fernando não tenha sofrido um surto psicológico e sim uma crise de amnésia.

Entenda o caso

O homem de 33 anos, que saiu da cidade de Itaipé (MG), desapareceu após embarcar em um ônibus que o traria para Nova Andradina. A informação é da ex-esposa do homem que, após o filho do casal sofrer um acidente em Nova Andradina, onde mora, pediu ajuda ao ex-marido para cuidar do garoto de três anos, que estava internado em Dourados. 

Fernando Dias Oliveira embarcou na manhã de terça feira (08) sob a supervisão da irmã que o acompanhou até o terminal rodoviário de Belo Horizonte (MG). Ele deveria ter chegado a Nova Andradina na quarta-feira (09), por volta das 07h, o que não aconteceu. Em contato com a empresa de ônibus, a informação foi confirmada.

Saiba mais
  • Pai de MG, que visitaria filho em Nova Andradina, desaparece de ônibus

Segundo o atendente, o nome de Fernando consta na lista de embarque, porém, ele não chegou ao destino final, que seria Nova Andradina. Fernando Dias Oliveira é alto, magro, branco, cabelos curtos e castanhos, e tem olhos grandes. Testemunhas relataram que um homem com as mesmas características teria surtado dentro do ônibus, tirando a camisa e dizendo que iria tomar banho.

Ele ainda teria se desentendido com o motorista do coletivo, que chamou a atenção quanto ao fato de o passageiro querer se despir dentro do veículo. Ao chegar no terminal rodoviário de Nova Casa Verde, o homem, com as semelhanças de Fernando, foi expulso do ônibus e a polícia acionada. As testemunhas disseram que ele não apresentava sinais de embriagues e sim, traços de possível surto psicótico.

Em contato com o comando da Policia Militar de Nova Casa Verde, o Nova News recebeu a informação de que eles têm conhecimento do fato. Os policiais disseram ter ido até o local, mas, como ninguém registrou ocorrência naquele momento, nada pode ser feito. Ainda de acordo com o militar, eles apenas conversaram com a pessoa que foi retirada do coletivo. Nas palavras das autoridades, os desentendimentos entre passageiros de ônibus são comuns.

O passageiro dispensou ajuda e disse morar em alguns barracos existentes na região. Ele teria então caminhado na direção do acampamento por volta das 05h, quando foi visto pela última vez. A família, que aguardava a chegada de Fernando, segue à procura de informações e pede ajuda principalmente de moradores da região de Nova Casa Verde, onde o homem teria supostamente desembarcado.

Sem notícias

Sem conseguir nenhuma informação sobre o paradeiro de  Fernando Dias Oliveira, parentes dele, que moram em Minas Gerais, retornaram àquele estado nesta segunda-feira (14). 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.