Buscar

Acusado de matar vítima com uma facada em Nova Andradina confessa o crime

Segundo a delegada Daniella de Oliveira Nunes Leite, crime ocorreu devido a uma discussão por causa de um celular

Cb image default
Acusado foi preso pela Polícia Civil, reconhecido por testemunhas e acabou por confessar com detalhes a autoria do crime - Imagem: Polícia Civil

Na noite deste domingo (06), a delegada Daniella de Oliveira Nunes Leite, que cuida do caso de um homicídio ocorrido horas antes no Bairro Durval Andrade Filho (Morada do Sol), em Nova Andradina, procurada pelo Nova News, passou detalhes sobre o crime que resultou na morte de Luciano Pereira dos Santos Garcia, de 29 anos.

Como já havia sido noticiado pelo site, Luciano foi encontrado morto na calçada da Rua Eraclides Simões, no Bairro Durval Andrade Filho (Moada do Sol). Populares visualizaram a vítima caída ao solo e acionaram o Corpo de Bombeiros.

Cb image default
Delegada Daniella de Oliveira Nunes Leite disse ao Nova News que autor revelou a motivação do crime: a discussão por causa de um telefone celular - Imagem: Arquivo / Nova News

Logo que chegaram, os socorristas constataram que o homem estava sem sinais vitais e com um ferimento provocado por arma branca (faca) na região do tórax. Na sequência, Polícia Militar, Polícia Civil e Núcleo de Perícias foram acionados para atenderem a ocorrência.

Segundo a delegada, logo após os primeiros levantamentos no local, a Polícia Civil iniciou as diligências e, dentro de instantes, conseguiu identificar e localizar o autor do homicídio, que foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Polícia, onde foi reconhecido por testemunhas.

Também na delegacia, o homem identificado como J.S.J., de 42 anos, confessou o crime, revelando que ele e outras pessoas moravam na mesma casa que a vítima e que a motivação do homicídio seria a discussão por causa do suposto furto de um telefone celular.

Cb image default
Homicídio ocorreu na tarde deste domingo (06) na região do Bairro Durval Andrade Filho (Morada do Sol) - Imagem: Acácio Gomes / Nova News

A Polícia Civil apurou que os dois se desentenderam fora da residência, momento em que Luciano deu um soco em J.S.J. Instantes depois, já dentro da casa, a discussão teria reiniciado, sendo que J.S.J., de posse de uma faca, semelhante às usadas em frigoríficos, desferiu o golpe no lado direito do tórax da vítima, que ainda conseguiu sair da casa, vindo a morrer na calçada.

Diante das apurações, do depoimento de testemunhas e da confissão do próprio acusado, ele responderá pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil. A faca usada no crime foi apreendida e está em poder da Polícia Civil.

Vídeo: Acácio Gomes / Nova News

PGlmcmFtZSBpZD0iX2pqaW9hMHRneiIgc3JjPSJodHRwczovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS9lbWJlZC9zSXNnSjdONDA1bz9yZWw9MCZhbXA7YW1wO3Nob3dpbmZvPTAiIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd2Z1bGxzY3JlZW49IiI+PC9pZnJhbWU+

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.