Buscar

Nova Andradina – Idosa perde R$ 6.500,00 ao cair no golpe do bilhete premiado

Caso foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia como estelionato

Imagem: Acácio Gomes / Nova News

Cb image default

Nesta quarta-feira (08), uma idosa de 64 anos, residente em Nova Andradina perdeu a quantia de R$ 6.500,00 ao cair no chamado golpe do bilhete premiado. A vítima transitava pela região da central da cidade, quando foi abordada por uma mulher e por seus comparsas, sendo um homem e outra mulher.

Como se não se conhecessem, os três autores falavam de um bilhete de loteria premiado que estaria em poder da mulher que abordou a idosa. Por se dizer analfabeta, a mulher que estava com o suposto bilhete pediu ao homem que fosse até a agência da Caixa Econômica Federal conferir o resultado do jogo.

Minutos depois o homem voltou dizendo que o bilhete havia mesmo sido sorteado e que o valor era de R$ 73 mil. Após isso, a mulher, dona do bilhete pediu ajuda à idosa e simulou também pedir ajuda aos seus comparas para sacar o prêmio, dizendo estar com o nome sujo.

A golpista disse que caso eles a ajudassem a sacar o prêmio, que ficaria com R$ 60 mil e daria R$ 13 mil para que fosse dividido entre eles, no entanto, ela pediu uma prova de idoneidade, momento em que o homem disse que iria ao banco sacar certa quantia em dinheiro. Ele voltou em seguida supostamente com um maço de dinheiro nas mãos dizendo haver ali a quantia de R$ 20 mil.

Logo após isso, a golpista perguntou se a idosa poderia lhe dar uma garantia, momento em que a vítima se dispôs a ir ao Banco do Brasil efetuar um saque. Ela foi acompanhada pela comparsa da mulher que a havia abordado. Já no banco, a moradora sacou R$ 5 mil na boca do caixa e mais R$ 1.500,00 no caixa eletrônico.

O dinheiro foi entregue para a acusada que estava em sua companhia, sendo que, no caminho de volta para onde os demais envolvidos estariam esperando, a mulher que estava na companhia da idosa disse estar grávida e que precisava de um copo de água. Enquanto a idosa foi a um comércio pegar água, a mulher que estava com seu dinheiro desapareceu.

A vítima chegou a ir até o local onde o restante do grupo teria ficado esperando e, ao constatar que todos haviam ido embora, percebeu que havia caído em um golpe. Ela então foi até a Delegacia de Polícia onde o caso foi registrado como estelionato. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.