Buscar

PMA desmonta acampamento ilegal de pesca dentro do Parque das Várzeas do Rio Ivinhema

Ação policial ocorreu após denúncia

Imagens: Divulgação / PMA

Cb image default

A Polícia Militar Ambiental do Grupamento do Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema (PEVRI) recebeu denúncias de que havia um acampamento de pescadores dentro da área do parque, em uma região conhecida como Portinho da Fazenda Pica Fumo, no município de Jateí. Uma equipe foi ao local e localizou o acampamento, onde havia um veículo e um reboque de barco. No local, os policiais ficaram à espera dos infratores durante toda a madrugada deste domingo (06).

Como ninguém apareceu no acampamento, os policiais realizavam fiscalização fluvial no Rio Ivinhema e localizaram dois pescadores no local. Eles estavam em uma embarcação pescando dentro da área do parque (local proibido para a pesca) e utilizavam espinhéis e anzóis de galho (petrechos proibidos).

Com os infratores, de 28 e 40 anos, residentes em Naviraí, foram apreendidos um espinhel, com 25 anzóis, um barco, um motor de popa, um tanque, três carretilhas e quatro varas de pesca. Os policiais não localizaram, ou eles ainda não haviam capturado pescado. Os infratores responderão por crime ambiental de pesca predatória. Eles também foram autuados administrativamente e multados em R$ 1 mil cada um.

Cb image default

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.