Buscar

Polícia Militar de Anaurilândia apreende mais de uma tonelada de maconha

Durante perseguição, veículo suspeito capotou na entrada do Distrito de Quebracho, espalhando parte da droga pelo chão

Imagens: Divulgação/PM

Cb image default

Na madrugada desta terça-feira (30), policiais militares da Rádio Patrulha do Pelotão de Anaurilândia apreenderam 1.194 tabletes de maconha que, após pesagem, totalizaram 1.230 quilos da droga.

Por volta das 02h, quando a equipe policial realizava patrulhamento ostensivo, visualizou uma caminhonete Nissan Frontier, com placas de Curitiba (PR), entrando nos limites da cidade. O veículo chamou atenção dos policiais devido ao conjunto de suspensão traseiro estar muito baixo, aparentando estar com carga acima da capacidade normal.

Quando a guarnição de serviço realizou aproximação do veículo para efetuar abordagem, emitindo sinais luminosos e sonoros, o condutor da caminhonete empreendeu em fuga buscando pegar o acesso à rodovia MS-395 sentido Bataguassu.

A rádio patrulha de Anaurilândia efetuou o acompanhamento tático e no mesmo instante acionou as equipes policiais de Quebracho e de Bataguassu para darem apoio, efetuando cerco ao veículo. 

Cb image default

Após 30 quilômetros do início acompanhamento, o condutor da caminhonete perdeu o controle da direção ao tentar entrar em Vila Quebracho, momento em que o automóvel capotou, espalhando a droga pela via.

O condutor conseguiu fugir, correndo em direção a uma pastagem, tomando rumo ignorado. Foi constatado que o veículo estava carregado de maconha em sua caçamba e em toda a parte traseira onde ficariam os bancos. Os policiais realizaram buscas pelas imediações do local do acidente porém não foi possível localizar o condutor.

A equipe do GPM do Quebracho apoiou os policiais de Anaurilândia nas buscas ao motorista da Frontier e no recolhimento e condução da droga para a Delegacia de Polícia. (Com informações da Polícia Militar).

Cb image default

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.