Buscar

Polícia Militar prende quatro pessoas e recupera objetos furtados em Nova Andradina

Os envolvidos, bem como os materiais encontrados, foram entregues na Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos e investigação

Cb image default
Foto: Divulgação

No início da madrugada desta segunda (30) a Polícia Militar prendeu quatro pessoas com idades entre 23 e 33 anos após serem flagrados comercializando drogas e em posse de objetos furtados.

Durante policiamento, a equipe de Força Tática, recebeu via central 190, a informação que dois jovens estariam oferecendo duas bicicletas para pedestres que transitavam próximo da Av. José Heitor de Almeida Camargo.

Os policiais militares iniciaram rondas pela área central e nas proximidades de um auto posto visualizaram um dos suspeitos. Foi efetuada a abordagem e busca pessoal, porém nada de ilícito foi localizado. Ao ser questionado sobre as bicicletas da denúncia, o homem declarou que havia cometido  um furto juntamente com seu comparsa e que horas antes, trocou as bicicletas por algumas porções de crack, droga que já havia consumido.

O autor informou ainda que trocou vários outros materiais, também produtos de furtos em datas anteriores com  um morador do Bairro Horto Florestal, pessoa também conhecida no meio policial pelos crimes de tráfico de drogas, roubo e receptação.

Após a confissão dos outros crimes, o autor disse ainda que o receptador estava conversando com uma vizinha para esconder as bicicletas em sua residência, haja vista que já havia sido alvo de uma operação recentemente e preso em flagrante pela prática de crime semelhante.

A equipe de Força Tática foi até o local suspeito e  encontrou outro indivíduo bastante exaltado, discutindo com sua esposa em visível estado de embriaguez. Durante a abordagem, em revista pessoal, foi localizada uma faca. Questionado sobre as bicicletas, o suspeito disse que havia comprado momentos antes de uma pessoa desconhecida, porém negou que tenham sido trocadas por entorpecentes.

O jovem disse ter adquirido as bicicletas e vários outros materiais por meio de trocas e negócios, cuja natureza não quis informar. Diante do flagrante, foi dada voz de prisão pela prática de receptação, tendo o autor de 28 anos resistido à prisão, tentando evadir-se do local.

Já no compartimento de presos da viatura policial, o autor começou a desferir vários chutes na grade lateral e porta, danificando-o patrimônio público, além de ameaçar a equipe policial.

Os policiais militares realizaram uma vistoria no interior da residência, onde foi localizado em um quarto, um saco contendo várias peças de roupas com etiquetas de preços, uma mala com vários produtos eletrônicos, outra mala com vários materiais para salão de beleza, uma mala com vários produtos de Sex Shop, e ainda parafusadeiras e serra.

No fundo do quintal da residência, foi localizado um depósito de entorpecentes contendo 10 porções de crack, que após pesadas totalizaram aproximadamente 1.4 gramas, confirmando assim a versão de que tais materiais eram trocados por drogas por usuários.

Foi também conduzida para a Delegacia, a vizinha do autor cuja função na organização criminosa era guardar os produtos receptados.

O receptador e família foram presos no dia de 30 de outubro de 2019 em prática de crime semelhante, de trocar entorpecentes por materiais furtados por usuários de drogas.

Os envolvidos, bem como os materiais encontrados, foram entregues na Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos e investigação.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.